24.8.14

O blog vai de férias :)

Caros leitores, o blog vai a partir de agora ficar de férias. Quando voltar (daqui a sensivelmente um mês) vou ser uma menina casada e provavelmente vou estar cansada da nossa mega lua-de-mel aventureira :D

Até lá estejam à vontade para (como sempre) me enviarem mails, comentários ou mensagens para o Facebook. Certamente não responderei logo, mas não ficarão esquecidos :D

Um grande beijinho para todos e até ao meu regresso :D

22.8.14

Cannelloni de legumes para um até já! :)

Far away my lover sings a lonely song and calls me to his side.
Where the sound of lonely drums invited me on,
I must be by his side.

Goodbye, goodbye.

The Beatles


Quando conto que tenho um blog de culinária há algumas perguntas que me colocam de forma recorrente, e talvez a mais comum seja quantas horas tem o meu dia.

Lamento, mas o meu dia tem mesmo 24 horas certinhas. Durmo oito ou nove horas por dia, faço exercício (nem sempre diariamente), não vejo televisão nenhuma e não gasto muito tempo com tarefas domésticas (só mesmo o indispensável, porque essa não é de todo uma prioridade) - por isso o meu dia-a-dia é normal e aborrecido e resume-se a conduzir, trabalhar, cozinhar, fotografar, passar tempo de qualidade com o Pedro, escrever e dormir.


O meu dia não estica, e por isso quando passo por alturas mais ocupadas a nível pessoal ou profissional torna-se difícil ter tempo, vontade ou paciência para dedicar ao blog. Normalmente consigo equilibrar as coisas porque tenho receitas previamente agendadas, mas tenho noção das minhas limitações e não exijo de mim mais do que aquilo que consigo.

Assim sendo, nas próximas semanas não vou ter tempo para me dedicar a este projecto - entre tratar dos últimos preparativos do casamento, casar e passar quinze dias na nossa lua-de-mel estrondosa não tenho disponibilidade física ou mental para cozinhar, fotografar e escrever neste meu cantinho.


Por isso este é um até já. Volto daqui a três semanas, já casada e certamente com muitos episódios engraçados para contar. Até lá o mail - palavrasqueenchemabarriga@hotmail.com - está disponível para dúvidas ou felicitações (que também é bom recebê-las!) e o facebook recebe os vossos comentários e mensagens :)

Deixo-vos com uma receita simples, ideal para dias em que não têm disponibilidade física ou mental para cozinhar :)


Cannelloni de legumes

Ingredientes (para oito cannelloni):

* Uma cebola picada;
* Dois dentes de alho picados;
* Um fio de azeite;
* Mistura de legumes a gosto (usei brócolos, feijão verde, cenoura e ervilhas!);
* Uma lata de cogumelos laminados;
* Uma colher de chá de mistura italiana de especiarias;
* Uma colher de chá de orégãos;
* Uma pitada de sal;
* 100ml de molho de tomate;
* Oito cannelloni;
* Queijo ralado q.b.

Confecção:

* Refogar a cebola picada e o alho picado num fio de azeite;

* Juntar os legumes e os cogumelos e saltear;

* Temperar com a mistura italiana de especiarias, os orégãos e o sal;

* Acrescentar o molho de tomate e deixar cozinhar;

* Com o auxílio de uma colher de chá rechear os cannelloni com a mistura;

* Dispor os cannelloni num tabuleiro e cobrir com o molho dos legumes e com queijo ralado;

* Levar ao forno pré-aquecido a 180º durante trinta a quarenta minutos.


Até já! :)

21.8.14

Bolo de coco (O bolo, finalmente!) :D

Sabe, eu não devia estar falando com estranhos... 
Mas já o conheço!
Foi você o sonho bonito que eu sonhei.
Foi você, eu lembro tão bem você na linda visão.
E me fez sentir que o meu amor nasceu então,
E aqui está você, somente você, a mesma visão,
Aquela do sonho que eu sonhei.

A Bela Adormecida (que no meu tempo ainda era em português do Brasil)


Eu julgo que já disse aqui que não sou a maior fã de fazer bolos. Gosto imenso de fazer doces e adoro inventar sobremesas, mas fazer bolos deixa-me insegura e desconfortável.

Ao contrário da maioria das coisas que cozinho, cozinhar bolos não é propriamente científico. Aqui nem sempre a mais b é igual a c, e muitas vezes o resultado é desolador quando comparado com o que as fotos apetitosas nos prometiam. Juntem isso ao facto de eu ser trapalhona a espalhar coberturas e aqui temos a receita perfeita para a hecatombe.


Vai daí, confesso que não sou a pessoa mais entusiasmada de sempre no que diz respeito a fazer bolos de aniversário - e isto apesar de já ter tido algumas experiências genuinamente boas. Mas nunca tinha encontrado o príncipe encantado dos bolos e ainda não tinha sentido as minhas papilas gustativas a tocarem o paraíso, por isso com o tempo a minha audácia a fazer bolos foi esmorecendo.

Caros leitores, isso acabou.


Quando perguntei ao meu irmão que sabores queria no bolo de aniversário ele foi categórico: coco com coco e coco, recheado com coco e com cobertura de coco. Ele queria uma explosão de coco, e eu fiz-lhe a vontade.

Procurei uma receita num dos elementos da minha tríade bibliográfica preferida, a Saveurs (já agora, os outros dois são o blog da Joana Roque e o blog da Sally). Encontrei o candidato perfeito, e pusemos os dois mãos à obra. E o resultado final não podia ter sido mais perfeito.


Este bolo fica absolutamente maravilhoso. O bolo em si fica leve e fofo, e pretendo adaptá-lo para fazer todos os bolos de aniversário daqui em diante. O recheio e cobertura são suaves e pouco doces, tal como eu gosto. E é rico em coco, tal como o meu irmão queria.

Graças a este bolo estrondoso fiz as pazes com os bolos. Mas ainda preciso de trabalhar na questão da cobertura, porque sou tão trapalhona com isto que ao debruçar-me sobre o bolo para barrar a cobertura sujei o meu pijama todo :)


No fim tudo valeu a pena. O pijama foi para lavar, a cozinha ficou arrumada, os desastres pregressos com outros bolos ficaram esquecidos. Encontrei finalmente o meu príncipe encantado dos bolos. E foi amor à primeira trinca.


Bolo de coco

Ingredientes:

Para o bolo:
* Seis ovos;
* 200g de açúcar;
* 100g de farinha.

Para o creme:
* Seis gemas de ovo;
* 150g de açúcar;
* 75g de maizena;
* 250ml de leite de coco;
* 500ml de leite;
* Uma colher de chá de essência de baunilha;
* 200g de coco ralado.

Confecção:

* Bater as claras em neve e juntar as gemas, continuando sempre a bater;

* Acrescentar o açúcar e a farinha sem parar de bater;

* Colocar a massa numa forma untada e levar ao forno pré-aquecido a 180º durante trinta minutos;

* Para o creme bater as gemas com o açúcar durante dois minutos;

* Incorporar a maizena, batendo sempre;

* Colocar numa panela o leite de coco, o leite e a essência de baunilha e aquecer durante dez minutos;

* Verter sobre a mistura de gemas, açúcar e maizena, misturando bem;

* Retornar a mistura à panela e aquecer em lume brando, mexendo sempre até engrossar;

* Desligar o lume e deixar esfriar;

* Partir o bolo em dois com uma faca e cobrir a metade inferior com metade do creme e 50g de coco ralado;

* Cobrir com a metade superior, com o creme restante e decorar com o coco.




Tenham uma óptima Quinta-feira! :D

20.8.14

Arroz de pimentos (bem vermelhinho, como a inveja).

Do not overrate what you have received, nor envy others. 
He who envies others does not obtain peace of mind.

Buddha


Eu sempre soube, desde o primeiro dia, que escrever no blog era abrir uma janela para a minha alma, o meu coração e a minha vida. Desde que criei esta página tenho recebido em troca coisas absolutamente estrondosas e extraordinárias, mas não pensem que tudo são rosas e coelhinhos a saltitar nas nuvens: abrir a janela da nossa alma faz com que toda a gente espreite lá para dentro - inclusivamente as pessoas com quem não simpatizamos.

Com o tempo percebi que algumas pessoas faziam isso: espreitavam cá para dentro para coscuvilhar e depois divertiam-se a comentar o quanto eu sou sortuda porque tudo me foi dado na vida e o quanto elas têm azar porque não quiseram estudar, não arranjam trabalhos bons e não conseguem ser independentes financeiramente.


Agora que vou casar e escrevi o meu livro as coisas pioraram substancialmente, e se antes só vinha um ou outro comentário de mau gosto agora é toda uma miríade de frases invejosas e atitudes infelizes.

Apesar do tom relativamente zangado deste post confesso-vos que tudo isto não me faz a mínima confusão: há muito, muito tempo que sei quem é realmente importante. Passei muitos anos da minha vida a preocupar-me com pessoas que não interessam, e garanto-vos que não pretendo repetir a receita nos próximos. Mas incomoda-me saber que há minhas pessoas que sofrem com isto. Que ainda esperam que os outros mudem e que deixem de ser ressabiados. Que ainda se perguntam porque não somos uma família grande e unida como as outras.


E por isso hoje vou aproveitar que a malta anda sempre aqui com o nariz enfiado para deixar um recadinho especial: lamento muito se a vida não vos corre como queriam, mas espero que um dia percebam que a culpa do vosso insucesso é vossa (e não minha) e metam mãos à obra. E adivinhem - a partir desse dia a vossa vida vai melhorar substancialmente, até ao dia em que o sucesso dos outros deixe de vos fazer tanta comichão.

E agora que já exorcizei isto o blog vai voltar à sua programação feliz habitual.


Arroz de pimentos

Ingredientes (para quatro pessoas):

* Uma cebola picada;
* Três dentes de alho picados;
* Meio pimento vermelho picado;
* Um fio de azeite;
* Quatro medidas de arroz (fazemos sempre a olho, desculpem!);
* Uma lata de tomate pelado;
* Uma pitada de sal.

Confecção:

* Refogar a cebola picada, o alho picado e o pimento vermelho picado num fio de azeite;

* Juntar o arroz e misturar bem, deixando 'fritar' até que o arroz mude de cor;

* Juntar o tomate e temperar com sal;

* Acrescentar água, se necessário.


Até amanhã :D

19.8.14

Iogurtes de cheesecake de limão para uma despedida de solteira especial :D

Shrek: For your information, there's a lot more to ogres than people think.
Donkey: Example?
Shrek: Example... uh... ogres are like onions!
Donkey: They stink?
Shrek: Yes... No!
Donkey: Oh, they make you cry?
Shrek: No!
Donkey: Oh, you leave 'em out in the sun, they get all brown, start sproutin' little white hairs...
Shrek: No! Layers. Onions have layers. Ogres have layers. Onions have layers. You get it? We both have layers.
Donkey: Oh, you both have layers. Oh. You know, not everybody like onions. What about cake? Everybody loves cake!
Shrek: I don't care what everyone else likes! Ogres are not like cakes.
Donkey: You know what else everybody likes? Parfaits! Have you ever met a person, you say, 'Let's get some parfait' they say, 'Hell no, I don't like no parfait'? Parfaits are delicious!


Há duas semanas tive a minha despedida de solteira. Fizemos um programinha bem divertido e repleto de coisas boas: amigas, conversas, gargalhadas, jogos, massagens, piscina, jacuzzi, macarons, bolachinhas, chá, flores, pregos no pão e limonadas com mel. E foi mesmo o que estava a precisar para combater as semanas cansativas que antecederam esse dia.


Eu não sou uma pessoa fácil de perceber. Se por um lado gosto de tomar a iniciativa, por outro relaxa-me ser conduzida nos planos dos outros. Se por um lado sou um bocadinho rígida com o controlo, por outro liberta-me ser espontânea e deixar-me levar. Se por um lado adoro mimar os outros, por outro deliro com ser mimada. Sou uma pessoa com várias camadas, pronto. E por isso confesso-vos que não foi muito fácil deixar todo o planeamento de algo tão importante nas mãos de outras pessoas, embora tivesse a certeza que elas fariam um óptimo trabalho.

Não estava enganada. A minha despedida de solteira não teria sido mais estrondosa se eu a tivesse planeado.

Quer dizer, o macaron de menta foi um erro de casting - mas estão perdoadas.


No dia combinado senti-me tentada a retribuir a todas o carinho e a preocupação com que planearam aquele momento fazendo uma sobremesa para o nosso jantar. Fiquei indecisa entre fazer umas lemon bars ou um cheesecake de limão, mas acabei por me decidir pelas barrinhas de limão.

Estas pequenas maravilhas fizeram um sucesso tremendo, tanto no jantar da minha despedida de solteira como no hospital (para onde levei o pouco que sobrou). Mas não conseguia tirar o cheesecake de limão da cabeça, ao ponto de inclusivamente ter começado a sonhar com isso.


No meu sonho queria fazer iogurtes de cheesecake de limão e acabava a fazer iogurtes de morango e salmão (deviam ficar uma delícia, excepto que não!). Não deixei passar nem mais uma noite antes de pôr aos mãos à obra, e assim apareceram estes iogurtes de cheesecake de limão.

Sem morango e sem salmão, mas cheios de sabor. Dedicado a todas as pessoas incríveis que contribuíram para que a minha despedida de solteira fosse inacreditavelmente boa.


Iogurtes de cheesecake de limão

Ingredientes (para sete iogurtes):

* Um litro de leite fresco meio-gordo;
* Duas colheres de sopa de leite em pó magro;
* Três colheres de sopa de açúcar branco;
* Casca de dois limões;
* 150g de bolacha maria;
* Dois iogurtes naturais.

Confecção:

* Numa panela colocar o leite, o leite em pó, o açúcar e a casca de limão e mexer com uma vara de arames;

* Levar ao lume até ferver e deixar arrefecer;

* Quando estiver morno juntar a bolacha maria e os iogurtes, misturando com a vara de arames até a bolacha maria ficar incorporada;

* Colocar nos copinhos e levar à iogurteira durante cerca de dez horas;

* Transferir para o frigorífico durante pelo menos quatro horas.



Espero que gostem! :D 

18.8.14

Isto e aquilo #24

Querem uma overdose de fotos do Porto? Pois aqui vai uma overdose de fotos do Porto :D

Sexta-feira

Porque Sexta-feira é quase sempre dia de pipocas :)
O filme escolhido da lista de 250 melhores filmes do IMDb (agora creio que já não está na lista) 
Eu sei que está demasiado calor para chocolate quente, mas garanto que soube mesmo bem :D
A receita já foi publicada no blog e está aqui! :D
Sábado

Fui para casa dos meus pais onde me esperava a Liby :D
Batido de pêssego e ameixa vermelha :D
Experiências :)
Fomos andar de barco no rio Douro :D












Porto <3
Eu juro que até lido bem com esta história de viver em Lisboa... Mas passear no Porto deixa-me tão melancólica...

Reparem que o barco se chama 'Lobo do mar' :D










Para os interessados, aquele terreno está à venda :D



Miúdos a saltar da ponte para o rio (uma tradição idiota e infeliz)






Eu nem sou pessoa de Coca-cola... Mas esta soube tão bem! :D
Só para documentar que fiz uma limpeza de pele :)
Leituras do fim-de-semana :D

Descanso :D
Jantar: polvo assado com alho francês, batatas e castanhas :)
Domingo


Lombo de salmão assado coberto com algas :)
Pudim molotof para a sobremesa :)
Vida boa :D


Para a semana há mais :D
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...