20 de março de 2016

Pregnancy Diary #96

O primeiro trimestre da minha gravidez foi uma aventura. Descobri que estava grávida muito cedo, e os dias arrastavam-se numa lentidão desesperante. Morria de medo que acontecesse alguma coisa ao bebé. Morria de medo de não estarmos preparados para ser pais. Morria de medo de tudo aquilo que ia precisar de comprar ou tratar antes do bebé nascer. Morria de medo da mudança.

E morria de vontade que as semanas passassem.



No segundo trimestre piorei imenso dos sintomas da insuficiência mitral. Comecei a desmaiar todos os dias. Desmaiei sozinha em casa enquanto tomava banho. Fiquei de baixa. Passei longas semanas a viver na nossa casa em obras. Sentia-me constantemente cansada. Optei por mudar de obstetra. Vivia com o fantasma da viabilidade do bebé.

E morria de vontade que as semanas passassem.

O terceiro trimestre instalou-se. E, quando todas as outras pessoas parecem começar a desenamorar-se da sua gravidez, cá estou eu irremediavelmente apaixonada. Durmo mal, não consigo andar durante muito tempo, faço xixi de hora a hora (inclusivamente durante a noite) e pareço uma baleia. Mas falo imenso com a minha coisinha fofa. Vejo e sinto a minha barriga a mexer-se. Canto para ele. O Pedro conta-lhe histórias.

Finalmente apaixonei-me pela minha gravidez.

No entanto, esta questão da placenta veio estragar um bocadinho a nossa lua-de-mel. Precisamente quando estava a começar a divertir-me à brava, cá veio mais um dramalhão para me deixar cheia de dúvidas e inseguranças. Para morrer de medo.

E para morrer de vontade que as semanas passem.

18 comentários:

  1. E vão passar rápido e vai correr tudo bem!!!

    ResponderEliminar
  2. Vai correr tudo bem!
    E quando tiveres o teu filho nos braços vais passar por uma série de outras emoções. E também vais ter vontade que o tempo passe depressa. E depois vais ter vontade que passe devagar.
    E, em menos de nada, vais ter uma vontade irresistível de engravidar outra vez. :P Digo eu.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Já tenho uma vontade irresistível de engravidar outra vez! :P Mas agora não dá, vamos ter de fazer um intervalo até ao segundo :P

      Eliminar
  3. O segundo trimestre foi o que mais gostei :)! No primeiro, enjoos :S e, no terceiro, como a minha bébé nasceu em setembro, foi o calor....ai, um martírio, inchei tanto, que a minha obstreta andava sempre a medir-me a tensão, porque achava que tinha pré-eclampsia. Além disso, tive perda de líquido amniótico, o que me levou a fazer ctg e eco 2 a 3 vezes por semana. Estranhamente, nunca fiquei muito nervosa, andava meio abananada até, não sei se foi uma estratégia inconsciente para não panicar. Espero que, no teu caso, tudo corra pelo melhor. Nestas situações não há conselhos que possam ser dados. Acho que o que me ajudou a tranquilizar (ou a abananar, não sei ^^!) foi andar quase todos os dias no hospital, nos exames...ficava a saber que estava tudo bem :). A cesariana foi marcada de urgência, mas do género "esteja cá às 19h para fazermos isso" lol e eu ainda achei que dava tempo para um passeio até à companhia das lezírias, num dia de calor abrasador, do outro lado do rio, e lá fui eu (sim, eu estava mesmo abananada).
    Com os cuidados que tens e com os miminhos que dás à tua coisinha mais fofa, as coisas só podem correr bem :)!
    Tudo a correr bem e que continue a lua-de-mel :)!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lá está, eu no segundo continuava cheia de medo. Se no primeiro tinha medo do aborto espontâneo, no segundo tinha medo que o bebé nascesse e não fosse viável. Enfim, ser médica nestas coisas é mesmo uma chatice, conhecemos sempre casos de pessoas a quem aconteceram as coisas mais mirabolantes :/

      Agora tenho ainda mais cuidado, tenho que monitorizar os movimentos fetais, muito descanso... Enfim, espero que passe rápido :)

      Eliminar
  4. Ola Joana,

    Vai correr tudo bem. Falta mesmo pouco.

    Eu nao vejo a hora de chegar Maio. Nao tive quase nenhum sintoma so alguns enjoos e refluxo que comecaram no segundo semestre e tem piorado agora no terceiro. Nao me sinto cansada (So quando subo escadas ;)) mas esses enjoos e alguma preguica so me fazem desejar chegar ao fim para poder comer de tudo (nao me apetece nada).

    Continua nessa lua-de-mel e vai aproveitando as poucas semanas que faltam. As vezes ajuda nao ter muita nocao das coisas e imagino que ser medica nao ajuda muito nestas horas.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu estou com o feeling que não duro até Maio (a minha DPP é no dia 10), mas espero sinceramente estar enganada. Esperemos que sim :) Não que não queira conhecer a minha coisinha fofa (quero muuuuuuito), mas porque quero mais que ele venha já prontinho ;)

      Eliminar
    2. A minha DPP e dia 12 e ao contrario de ti tenho o feeling que vou passar ;) mas espero bem que nao.

      Ah, ja agora... Ja ouviste falar de Raspberry leaf tea? O que achas? Aqui parece que todas as gravidas tomam no fim da gravidez (fala-se muito pelos foruns). Vou perguntar a minha midwife na proxima consulta.

      Eliminar
    3. Nunca tinha ouvido falar. Amanhã vou ver se pesquiso sobre o assunto :)

      Eliminar
  5. Pois eu estou ao contrário...passei um primeiro e segundo trimestre dos diabos. Não pela gravidez, mas por questões laborais, que me impediram de viver este período conforme queria. Assim, cá estou eu às 32 semanas e 3 dias e sem vontade que a gravidez termine. Estou enorme, a minha mobilidade não é a mesma e as noites não são fáceis...mas já estou com saudades da minha barriga e ainda nem acabou :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também estou a gostar muito mais desta fase! Mas a preocupação agora não ajuda ;)

      Eliminar
  6. quando falares com a coisinha fofa dá-lhe esta dica: as pessoas mais fixes nascem no dia 4 de maio. ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu cá estou a sentir que ele vai ser moço de Abril... Mas já nem digo nada :P

      Eliminar
  7. Pois,vocês com vontade que eles saiam e eu com vontade que nunca crescessem,até à primária tudo bem...no preparatório hum...no secundário ai...ai...na faculdade...os pais não percebem nada!...

    ResponderEliminar
  8. Vai ser sempre preocupações... mas muito mais coisas boas, pelo que ouço por aí! :) mal posso esperar também que nasça a tua coisinha fofa para te ouvir dizer por aqui que correu tudo bem.
    Beijinho e aproveita bem esta fase linda :)

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />