11 de fevereiro de 2014

Batido tropical verde para um pedido estranho :)

People are strange when you're a stranger,
Faces look ugly when you're alone.
Women seem wicked when you're unwanted,
Streets are uneven when you're down.

When you're strange faces come out of the rain.
When you're strange no one remembers your name.
When you're strange, when you're strange,
When you're strange...

The Doors


Há sensivelmente um ano estava a conversar com alguns colegas de curso e um deles referiu o meu blog. Imediatamente uma das raparigas ficou muito interessada, e quando soube que eu fazia maioritariamente receitas saudáveis (tirando os bolinhos, pronto) comentou que eu devia escrever um texto sobre os benefícios da dieta líquida.

Acho que se naquele momento alguém me tirasse uma fotografia o resultado seria algo deste género:


Até ali eu julgava que a dieta líquida era um conceito exclusivo dos maluquinhos da alimentação saudável ou das pessoas com excesso de peso à procura de mais uma dieta milagrosa, mas ali estava alguém aparentemente são a dizer-me que só bebia líquidos durante um dia por semana.


Desde então aprendi mais sobre este conceito, e embora nunca o tenha aplicado na totalidade vou fazendo algumas refeições à base de sopa de legumes ou batidos de frutas. Não pretendo (e honestamente acho que nem conseguiria!) passar um dia inteiro à base de refeições líquidas, mas confesso que esporadicamente me sabe bastante bem.


Há a ideia errada de que um batido de fruta não alimenta, mas a verdade é que tudo depende do que misturam nele. Virtualmente tudo é possível: desde as frutas aos legumes, passando pelas várias sementes e frutos secos e até pelos cereais, não esquecendo claro os lacticínios. Tudo é válido quando fazem um batido, inclusivamente fazer dele uma refeição.

E foi assim que surgiu esta pinacolada saudável.


Enriquecido com as gorduras saudáveis do coco e com as fibras e vitaminas dos espinafres, este batido deixou a minha barriguinha bem alimentada e feliz. Porque as palavras podem encher a barriga, mas são receitinhas como esta que a preenchem verdadeiramente :D


Batido tropical verde

Ingredientes (para um batido):

* Um iogurte líquido magro de pêssego;
* 100g de ananás cortado em cubos;
* Uma colher de sopa de coco ralado;
* Um punhado de espinafres.

Confecção:

* Juntar os ingredientes e triturar no liquidificador (eu não tenho um ainda e por isso usei a varinha mágica, embora não seja tão eficaz);

* Servir bem fresco.


Para quem está neste momento a fazer cara feia garanto que não, os espinafres não se sentem. Aliás, não fosse pela cor ninguém sonhava que eles lá estavam :D

Até amanhã :D

10 comentários:

  1. Nunca experimentei, mas deve ser bom!
    E por falar em dieta líquida, até já me está a dar a fome...acho que vou trincar qualquer coisita, hehehe! :)

    ResponderEliminar
  2. com espinafres??? hummmmmmmmmm.... não sei.. eu gosto de espinafres, mas para comer... assim na bebida nunca experimentei, mas confesso que fiquei curiosa para experimentar!

    ResponderEliminar
  3. descobri o teu blogue numa pesquisa no google e adore. Já estou a seguir-te.
    se tiveres curiosidade, deixo aqui o meu blogue: http://my-life2011.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  4. é a primeira vez que estou no teu blog. Gostei muito de conhecer mais um blog em portugues de estilo saudavel. Eu tambem sou adepta deste estilo e partilho receitas e ideias no meu blog, assim como tambem o meu dia a dia em NY ( onde estou a viver). Ja estou a seguir o teu blog, pois quero passar por ca mais vezes:)

    http://fromportugaltonyc.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Eu gosto muito de batidos :) Mas prefiro para os lanches, bebo a porção de frutas só para aquele dia :D E junto linhaça ou sementes de chia, mel e canela para fortalecer!

    ResponderEliminar
  6. Uma das coisas que o nutricionista me disse para adicionar na minha alimentação são batidos, boas calorias extra. Ele diz que, por ele, a alimentação podia ser toda à base de líquidos: mais fácil, rápido e de maior/mais rápida absorção. Eu não concordo muito, perdia-se o prazer de comer ;)

    ResponderEliminar
  7. Também faço muitos desses batidos verdes e é verdade, o sabor do espinafre nem se nota! ;)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Também era desconfiada mas acabei por aderir à coisa. Acho que este documentário (fat sick and nearly dead - http://www.youtube.com/watch?v=8o0pSnp0Xs8) me ajudou a interiorizar! Tenho de referir que não fiz o que este australiano fez. Mas vale a pena ver.

    ResponderEliminar
  9. Gosto imenso dessa música :D
    Isso é exatamente o que a maioria das pessoas acha da alimentação saudável... Coisas estranhas e nojentas :P passar um quantos dias a alimentar-me a bebidas não me parece lá muito agradável, mas acredito que alguns batidos como lanche ou isso façam bem. São muitas vitaminas e mais coisas que eu não conheço assim tão bem portanto não vou falar porque senão pareço uma idiota :) até acho que há algumas lojas tipo fast food (mas não é fast food, é mais para lanche, acho eu. Tipo lojinha de centro comercial.) lembro-me de ver qualquer coisa sobre o conceito...
    Eu ando a adiar indefinidamente fazer um batido verde... Mas tenho tido vontade! Agora que o meu processador teima em ficar com o nariz colado é que é mais difícil, já que a minha varinha mágica não presta e deixa pedaços deliciosos de coibe lá para o meio... Hmmm.
    Uma vez comprei espinafres crus embalados e gostei imenso! Acompanhei o meu lanche com espinafres à manada :) sabem a noz!
    O único batido que alguma vez comi era castanho (suspeito. O que será?... Haha) . Banana, leite e cacau em pó. Era bom... Mas depois fartei-me :)
    Afinal era o copo do Starbucks :D

    (Tenho taantos posts teus para ler :D yay)

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />