13 de dezembro de 2012

Tarte de peito de peru picado com cenoura e brócolos para um dia mais atarefado :)

O Natal chegou em força cá a casa, e esta semana andamos completamente envolvidos na azáfama de comprar prendas, combinar jantares de Natal com os amigos e com a família, fazer a casinha de gengibre e, no meio de tudo isto, estudar o Harrison (nããããããão).

Vai daí esta semana temos optado por fazer refeições mais simples, como esta tarte de peru.  

Depois do sucesso que a Chicken Pot Pie fez cá em casa eu sabia que não ia tardar até que repetíssemos a experiência. Desta vez fiz algumas alterações na receita que usei originalmente: utilizei massa quebrada em substituição da massa folhada, usei peito de peru picado em vez de peito de frango aos cubinhos e substituí as ervilhas pelos brócolos. 

O resultado não podia ter sido melhor. Embora confesse que prefira a massa folhada, a verdade é que o recheio desta tarde ficou absolutamente maravilhoso :D 

Tarte de peito de peru picado com cenoura e brócolos

Ingredientes (para quatro pessoas): 

* Duas placas circulares de massa quebrada;
* 500g de peito de peru picado (peço para picarem no talho);
* Três cenouras em rodelas; 
* Brócolos a gosto (usámos congelados);
* Cebola picada;
* Alho picado (usámos congelado);
* Um fio de azeite; 
* 200ml de leite;
* Uma colher de chá de amido de milho (farinha maizena);
* Duas colheres de sopa de molho de tomate;
* 100g de queijo ralado; 
* Uma pitada de sal;
* Manjericão, pimentão-doce, paprika e piri-piri. 

Confecção: 

* Refogar a cebola e o alho no fio de azeite; 

* Juntar o peito de peru picado, a cenoura em rodelas e os brócolos; 

* Temperar com a pitada de sal, o manjericão, o pimentão-doce, a paprika e o piri-piri e deixar cozinhar; 

* Acrescentar o leite com a farinha maizena dissolvida e o molho de tomate e deixar ferver; 

* Juntar o queijo ralado e envolver bem;

* Estender uma das placas de massa quebrada numa forma de tarte e colocar o recheio, cobrindo com a placa restante;

* Levar ao forno pré-aquecido a 220º durante vinte minutos.






Ficou uma tarte muito boa e cremosa :D Também ficou óptima aquecida no microondas no dia seguinte para o almoço :D

Entretanto a casinha de gengibre já está montada e só falta terminar a decoração :D Amanhã mostro-vos a receita toda passo a passo, mas acreditem que tem sido uma aventura daquelas! Entre gomas que não querem colar, glacé espalhado por todo o lado e telhados que caem, a verdade é que já estou muito feliz pelo facto da casa estar em pé! :D

Até amanhã! :D 

17 comentários:

  1. Joana, a eterna otimista! Queres duas mãozinhas para ajudar a comer/colar gomas? :) Estou ansiosa por ver o resultado. Quanto à tarte, acho q vou experimentar este fim-de-semana!

    ResponderEliminar
  2. Olá :D
    Eu acho que ia adorar a tua tarte mas tinha que acrescentar-lhe milho porque adoro mesmo :P
    Está com um aspecto delicioso. Qual é a diferença entre o sabor da massa quebrada e da massa folhada na tarde? :)
    Beijinhos*
    PS: Fico à espera de ver a casinha*

    ResponderEliminar
  3. ai que tarte com um aspeto delicioso. huuum :)
    quanto à casa, deve dar cá uma trabalheira... depois mostra :) ***

    ResponderEliminar
  4. Olá Joana,
    vou viajar no natal, não estou fazendo estas preparações,
    mas na casa da minha mãe vai ter muitas delícias!
    Sua tarte ficou linda e pelo aspecto uma delícia, amo
    essa massa!
    bjs

    ResponderEliminar
  5. Fiquei com vontade de comer essa tarte! Deve ser mesmo boa!
    Quero ver a casinha de gengibre!! Eu ia fazer as bolachas mas não encontrei o gengibre no supermercado..
    Beijinhos querida*

    ResponderEliminar
  6. A tarte ficou com um aspecto fantástico embora ache que ficaria melhor o crocante da massa folhada.
    Beijinhos
    Belinha
    Mundo das Receitas
    http://mundodasreceitas.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  7. Olá Joana :)
    A tua tarte tem óptimo aspecto.
    Quanto à casinha e gengibre deve estar fantástica! Estou ansiosa por ver :)

    ResponderEliminar
  8. Gostei da tarte ficou linda e com um interior delicioso.
    Estou curiosa por ver a tua casa de gengibre ,tenho visto muitas pela net ficam fantásticas.
    bjs

    ResponderEliminar
  9. ui que bom aspecto que esse recheio tem!

    ResponderEliminar
  10. Olá! Vim retribuir a visita e cuscar um bocadinho! Tens receitas óptimas. Gostei muito desta tarte, sou uma verdadeira fã deste petisco :)

    beijinhos e até breve!

    ResponderEliminar
  11. Trazes-nos sempre boas ideias Joana. Ao ler o teu post fez-se luz na minha cabecinha para um refeição light =)
    Estou bastante curiosa com essa casa de gengibre, mostra mostra =)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  12. Olá! Quero ver essa construcção, engenheira civil das casas de gengibre! :p

    A tua tarte lembra-me uma quiche (mas se calhar é a mesma coisa?...)

    Não sei quem é esse Harrison, mas apoio-te! ;) Harrison só conheço o Ford, e a esse (em versão Indiana Jones), não digo que não... :p ihih

    Beijocas ***

    ResponderEliminar
  13. Olá Joana !
    Pois tens razão, esta altura é complicada...
    Adorei esta tua tarte, hummmm, que delicia !
    Fico á espera da casinha !!!
    Beijokas.

    ResponderEliminar
  14. Olha podes nao acreditar mas estou a salivar com esta tarte... eu explico, ando ha mais de uma semana com uma massa folhada e uma quebrada em casa para fazer uma mega empada de galinha... e agora vejo isto aqui e adorei!! Manda me uma fatia!!

    ResponderEliminar
  15. Olá Joana,
    Obrigada pela visita e pelo comentário no LB, que me fez vir conhecer o seu blog tão simpático.
    Espero que a viagem a Viena corra bem (e sem 'pickpocketing': a mim roubaram-me o porta-moedas na loja de souvenirs da Catedral...).
    Uma dica: se quiser assistir à missa de domingo na capela do Hofburg, tem de reservar bilhetes com alguma antecedência. Eu adorei, achei mágico ouvir aquelas vozes numa missa tão especial como a do 1º domingo do advento. Acho que vai gostar, mesmo se não for católica... Para a ópera também convém comprar antes e não comprar aos vendedores de rua...
    Nós comprámos cá os bilhetes para a missa através deste site, levantámo-los lá e correu tudo bem: http://www.mondial.at/index_en.php
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  16. Estou mortinha por ver a casinha... hihihi :D

    essa tarte tem meeeeeeeeeeeesmo bom ar!!!!!
    tem um aspecto mesmo suculenta...

    Eu infelizmente adoro massa folhada... confesso...
    Adoro pasteis de chaves (oh meu deus... do que me fui lembrar...) é que gosto mesmo...
    Quentinhos... ai ai ai...
    Mas um dia destes vi como se fazia massa folhada e a quantidade de gordura que põem lá, que pronto... evito mesmo...

    Beijinhos grandes cachopa lindinha :D

    ResponderEliminar
  17. A tua tarte tem tão bom aspeto *-*
    Manda-me uma fatia :D
    Beijinho*

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />