23 de janeiro de 2020

Festa A Princesa Cisne - O resumo! :D

Em Dezembro comecei a planear a festa do quarto aniversário do Matias. A dada altura fiz uma qualquer pergunta ao Pedro, e ele ficou pensativo por uns momentos e depois respondeu:

'Se tu gostas tanto de planear festas, porque é que não fazes uma festa de aniversário para ti?'

Fiquei desarmada. A verdade é que eu sabia a razão de nunca ter planeado uma festa para mim: eu gosto é de temas infantis. Mesmo a festa do Star Wars para o primeiro aniversário do Matias ou a festa do Harry Potter para o 30º aniversário da Joana foram assim a puxar para o infantil, e simplesmente não me conseguia imaginar a organizar uma festa 'adulta' como a que a minha mãe fez com o tema do Great Gatsby.

Porque não é assim que eu sou.

Apesar de todas as provas em contrário eu ainda me sinto uma miúda, e por isso parecer-me-ia estranho ter uma festa 'de crescidos'. No entanto, também achava desadequado ter uma festa 'de miúdos'.

Fiquei uns dias a pensar naquilo, e sabem que mais? A dada altura pensei 'olha, que se lixe!'. Ser adulto também é isto, I guess. Aceitar quem somos e defendê-lo.

No fim, ainda fiquei indecisa entre uma festa da Anastasia ou d'A Princesa Cisne. Achei que o tema d'A Princesa Cisne era mais giro (até porque o Matias também gosta do filme), fiz uma lista das minhas comidinhas preferidas (lemon bars, tarte de amêndoa, mousse de chocolate, tiramisú, macarons, bolachas de amendoim e chocolate, uvas, croquetes, sushi e o bolo da Frutalmeidas), convidei os meus amigos e pumbas, vinte adultos, cinco bebés e muitas gargalhadas, numa tarde que tão cedo não esquecerei.

Para o ano há mais, com outro tema infantil qualquer :)







Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />