28 de dezembro de 2016

O primeiro Natal a três.

Fomos para o Porto. O Matias esteve sempre super bem disposto (patuscão da mami). Vimos os dois primeiros filmes dos Piratas das Caraíbas, montámos Legos, tirámos fotos, comemos demasiados bolinhos de abóbora da minha avó e visitámos uma tia que já não via há anos.

À meia-noite ajudei a carregar os presentes para o tapete da sala e fiquei a ver enquanto todos abriam as suas prendas (menos o Mati claro, que já estava a dormir desde as oito da noite). No fim abri as minhas. A Death Star da Lego. O iPhone 7. A Boba. Uma mala da Kenzo. Três pijamas polares. Um roupão. Três pares de collants quentinhos. Uma garrafa de gin (a minha fama de copofónica já é mítica). Um livro... Sobre gin. Duas camisolas cor-de-rosa. Um par de sapatilhas cor-de-rosa (#grownuplife).

Quando nos deitámos, o Pedro perguntou se eu estava feliz. E eu percebi por que razão estive tão pouco entusiasmada para o Natal este ano: para mim, agora todos os dias são Natal.

Já tenho tudo aquilo que preciso. Tenho um marido que amo e que me ama, tenho o filho mais lindo do mundo, tenho uma família bestial, tenho bons amigos. Tenho um trabalho que me preenche e do qual gosto na maioria dos dias. Tenho uma casa. Tenho saúde. Faço as coisas que gosto. Sou feliz.

Este ano, o Natal foi para mim um dia como os outros. Porque para mim agora todos os dias são Natal.

A Death Star da Lego vai ser montada na passagem de ano com a Joana e o Bernardo. O iPhone é fixe. A Boba é incrível. A mala está arrumada para quando eu me tornar numa adulta a sério. Os pijamas polares são super quentinhos. O roupão anda a ser o meu melhor amigo nestes últimos dias (estou doente outra vez!). Ainda não usei os collants novos. Ainda não abri o gin, mas já li o livro todo. Já usei uma das camisolas. Ainda não experimentei as sapatilhas.

No dia 30 vamos fazer o 'nosso' Natal e vamos abrir as prendas que comprámos um para o outro, mas eu não estou particularmente expectante. Vai ser um dia como os outros. Para mim, agora todos os dias são Natal.

3 comentários:

  1. E quem tudo, não precisa de mais nada ;) Que inspiração ler este post, Joana! E fico muito feliz por ti, por vocês! Não deve haver nada melhor na vida do que essa sensação de plenitude!

    Um grande beijinho e que 2017 se mantenha assim :)

    ResponderEliminar
  2. Acho que percebo esse sentimento.
    A vida nem sempre corre bem em todos os aspetos (quando é que corre?) mas dou por mim sem desejar nada de especial. Sinto, muitas vezes, que tenho tudo o que poderia querer.
    Claro que quero viajar muito, não me importava de ter mais dinheiro, posso desejar mais um tempinho para mim de vez em quando mas o que me faz mesmo feliz, tenho todos os dias.
    Tenho dias em que parece que tenho um bug qualquer.
    O pessoal parece andar deprimido, zangado e eu até tenho receio de me rir muito. Não tenho a certeza de quando é que isso aconteceu mas tenho a certeza que esta coisa de andar quase sempre feliz se agravou com a maternidade. :D
    Mas eu acho que sou meio louca porque passei por uma situação muito difícil na minha família e, mal comecei a sair deste estado de felicidade constante, decidi que queria fazer terapia num psicólogo. Durou dois meses e agora sinto-me nova outra vez. Parece que já não consigo andar de outra forma.
    Às vezes eu falo dos meus problemas com tanta leveza que os meus amigos chegam a pensar se não fiquei com um esgotamento ou algo parecido. :P

    ResponderEliminar
  3. Confesso que estava à espera de vários textos entusiasmados sobre o Natal. Com a decoração de Natal, a roupinha do Matias de Natal, a casinha de gengibre, as várias comidinhas boas da época... etc. Mas entendi perfeitamente as tuas palavras. É maravilhoso estar rodeado daqueles que amamos e deve ser uma sensação única estar em paz com as nossas opções de vida e sentir que as nossas escolhas foram as melhores possíveis. Obrigada pelo teu optimismo e transmissão de energia positiva. E as melhoras, Joana! :)

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />