15 de dezembro de 2015

Pregnancy Diary #24

Quando fizemos um ano de casados, o Pedro ofereceu-me uma lista com os nomes que gostava. Fomos cortando alguns em conjunto e no fim discutimos os que sobravam, fizemos uma selecção e conversámos.

Para trás ficaram António, David, Estevão, Frederico, Gil, Gustavo, João, Manuel, Matias (snif, era o meu nome preferido) e Nicolau.

(Numa nota não relacionada, nunca percebemos a quantidade de pessoas de quem não gostamos até ao momento em que temos de dar um nome a um filho. De repente é 'esse nome não, havia um miúdo chamado assim que mordia o meu irmão na creche há 28377252349490 anos', 'conheci um tipo com esse nome que era um idiota', 'andei com um miúdo na escola que se chamava assim e ele era um chorinhas' e, de longe o pior, 'esse é o nome de um doente meu que é do piorio'.)

Ficámos então com dois nomes: Benjamim e Francisco. E aqui começou a dúvida.

A imagem só está aqui porque a acho terrivelmente engraçada :D



Gostamos imenso de Benjamim, mas parecemos ser as únicas pessoas do mundo a fazê-lo. Toda a gente à nossa volta treme de horror ao pensar na possibilidade de chamarmos Benjamim a um filho. Por outro lado, Francisco é um nome bastante mais consensual e igualmente bonito.

Gostamos dos dois de igual forma. Ambos têm diminutivos queridos: Benjamim pode ser Beni, Francisco pode ser Qui (não sou fã de Chico ou Quico).

(Cá em casa somos sem sombra de dúvida pessoas de diminutivos melosos - afinal, somos a Xi e o Pê. Tratamos os nossos familiares e amigos por nomes carinhosos. Assim sendo, a nossa coisinha fofa não vai escapar a esta sina. Afinal, eu tenho 26 anos e ainda sou tratada pela minha família por fofí.)

(Não é fófi, é fofí ok? Acentuação no í malta.)

Toca a animar malta :D

Decididas as nossas duas hipóteses preferidas, decidimos esperar por alguma espécie de inspiração divina. Afinal não estamos com pressa, e até nos decidirmos vamos chamando o nosso bebé de 2873426397621 diminutivos carinhosos diferentes :D

57 comentários:

  1. por aqui vem um francisco ;)
    e sim... "nunca percebemos a quantidade de pessoas de quem não gostamos até ao momento em que temos de dar um nome a um filho" isto é tãaaoooo verdade ahahah

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É que mais de metade dos nomes da lista vai à vida assim! É difícil :P

      Eliminar
  2. O pior dos piores é quando temos um nome decidido e a familia não gosta! Adoro a minha mae mas nisso ela foi um bocadinho chata! No meu primeiro filho não fez grande reparo! Mas nos dois seguintes insistiu para que se chamassem assim ou assado! Não tem mal, obviamente a opiniao dos familiares é importante, mas o filho é nosso, somos nós que temos de escolher o nome que mais gostarmos ou que nos fizer mais sentido, pensando também um pouco na criança e como ela se poderá sentir mais tarde se tiver um nome esquisito! Nos 3 levei a minha avante, sinto que a magoei mas ao mesmo tempo sinto que fiz a escolha certa, afinal o meu marido também tinha opiniao! É curioso que ela só insistiu enquanto eu estava gravida, assim que os bebes nasceram ela nunca mais deu palpites e aceitou as nossas escolhas! Por isso fofí, escolham o que vos agradar mais, pois o filho é vosso! Conheço um Benjamim, mas não é um nome comum por aqui! Francisco conheço alguns e é daqueles nomes que nunca passa de moda! Mas Matias também era muito giro! Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. No fundo eu percebo as dúvidas deles porque são também as nossas: é um nome menos habitual, ele pode não gostar dele, etc. Enfim, vamos decidir com muita calma :)

      Eliminar
  3. Sou sincera, não gosto especialmente de nenhum dos dois. De qualquer das formas prefiro Benjamim do que Francisco!

    ResponderEliminar
  4. Conheço uma Benjamin que é do mais simpático e impecável que pode haver. É um dos meus melhores amigos. Estudou comigo e com o meu marido e casou este ano. Por curiosidade, esse Benjamin tem o apelido de Príncipe. ;) Engraçado!
    Conjuguem o nome com os vossos apelidos para ver o que vos soam melhor também. E pensem que se apesar de não gostarem de Chico ou Quico, pode não ser fácil controlar.
    A minha irmã já é adulta e é conhecido como Rosinha ao ponto dos professores na universidade (aqueles que sabem os nomes de alunos) chamarem-na de Rosinha nas aulas. Sempre foi Rosinha em tudo e em tanta coisa que já se enganou a escrever o nome dela... Nos trabalhos de artista, assina com o diminutivo também. ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eles soam ambos igualmente bem com os nossos apelidos, até porque embora o meu seja pouco comum o do Pedro é do mais banal que existe :)

      E não me importo nada que chamem Chico ou Quico fora, acho que é um diminutivo fixe para os amigos. Mas em casa não gosto :P Esquisitices :P

      Eliminar
    2. Isso que contas sobre o Rosinha acontece-me muito com o Xi. Chegava a ser tão cómico que quando o meu nome aparecia em alguma lista os meus amigos pensavam 'quem é a Joana Macieira?' :P

      Eliminar
  5. Gosto muito de Benjamim! Só por curiosidade, a tua "alcunha" lê-se "fófí", "fôfí" ou "fufí"? É que aqui por casa também há uma alcunha parecida... só que é "fófi" (com sílaba tónica no ó e sem acento no i) :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lê-se fófí :P Mas só a minha família é que me chama assim :)

      Eliminar
  6. bem, dos dois gosto mais de Benjamim. Conheço um Benjamim, que ainda por cima é super-giraço, o nome cai-lhe que nem uma luva! :-)
    Mas para mim, ando com o nome "Jaime" atravessado. Gostava que o meu sobrinho tivesse sido Jaime, mas a minha irmã preferiu Gabriel para um e Samuel para o outro... :-(
    enfim... Não se pode agradar a gregos e a troianos!...
    Cumprimentos,
    Ariana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Lá está, por acaso não gosto de Jaime. Mas são gostos, toda a gente tem o seu :)

      Eliminar
  7. Tenho que mandar bitaite nesta dos nomes. Imagino-vos mais com um Benjamim. Confesso que como já tinhas dito aqui uma vez que gostavas de Estêvão, estava mesmo convencida que ia ser um nome diferente do mais habitual. Daí que quando vi Francisco, pensei, olha, nunca diria... palermices. A verdade é que vos vejo mais com um Benjamim. Não sei porquê. Gosto do nome, acho mesmo fofinho. O meu irmão é Bernardo, e o meu pai quis Bernardo (entre outras coisas) por não ser um nome fácil de arranjar diminutivo. Eu volta e meia chamo-lhe Ben. Na altura não havia quase Bernardos (temos 11 anos de diferença) agora há uns quantos. Já eu, sou GuiGui desde que nasci para toda a família. Para os amigos sou GuiGui para uns e Gui para os outros. Até no trabalho me chamam Gui ou GuiGui algumas pessoas... (chamo-me Margarida, acho que dá para perceber eheh)
    Pronto, já falei de mais. Gosto dos dois, mas imagino mais Benjamim. No fundo é isto.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nós temos dias. Há dias em que nos imaginamos com um Benjamim, outros com um Francisco... Vai variando :D

      Eliminar
    2. Nos vivemos na Alemanha mas fizemos muitas questao de dar um nome portugues ao nosso pequenito. O problema foi encontrar um que nao soe muito estranho em alemao (tudo o que leve til ou cedilha era automaticamente excluido). Durante muito tempo esteve Lucas no topo da lista. Mas depois surgiu Tiago e nunca mais mudamos de ideias. Eu acho que ele tem mesmo cara de Tiago, o nome fica - lhe mesmo bem :)

      Eliminar
  8. É a primeira vez que comento aqui mas sou leitora assídua do teu blog e uma colega de profissão em vias de terminar o ano comum! :) Antes de mais, muitos parabéns aos dois pela vinda do rebento!:D Quanto aos nomes, desde que vi um miudo imensamente querido e "fashion" com os seus óculos redondos vermelhos e uns 5 anos de idade num qualquer SU de pediatria deste país com o nome de Benjamim, fiquei fã do nome! Mas qualquer nome que decidirem, ficará de certeza bem =) Beijinhos!

    ResponderEliminar
  9. Confesso que quando vi os nomes o meu primeiro pensamento foi "Ena, tem nomes mesmo estranhos... e a criança terá de o aguentar toda uma vida!" _Confesso que me ri imenso com Nicolau (lembrei-me logo do Pai Natal :P), porque o meu marido gosta imenso de Rudolfo e eu nunca na vida daria esse nome a um filho: é nome de Rena!!!

    No entanto, e apesar de tudo, os nomes diferentes marcam as pessoas - eu penso assim! Desde que começámos a namorar, que havia um nome que era consensual: Rafael ou Rafaela. Quando o meu filho nasceu, foi esse o nome que lhe demos e, confesso, só conheciamos uma criança com esse nome. Bem... quando chegou ao infantário parecia o milagre da multiplicação: Rafael Brito, Rafael B, Rafael S e Rafa!!!! O karma...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nicolau era mesmo uma teimosice do Pedro à qual eu me fui habituando com o tempo. Mas lá está, eu também gosto de Rudolfo :P Por acaso não sabia que Rafael era um nome assim tão comum, que engraçado :D

      Eliminar
  10. Olá! É a primeira vez que comento mas sou leitora assídua do teu blog e uma colega de profissão prestes a acabar o ano comum!:) Antes de mais, quero desejar muitos parabéns aos dois pelo rebento que vem a caminho! :) Quanto aos nomes, a verdade é que me tornei fã de "Benjamin" desde que tive a sorte de conhecer um miúdo de 5 anos muito querido e "fashion" com os seus óculos redondos avermelhados num SU de pediatria quando estava a fazer estágio do 6º ano... Para além disso, é também o nome de um dos músicos que mais me surpreendeu em concerto este ano: Benjamin Clementine :)
    De qualquer maneira, qualquer um dos nomes que escolherem ficará bem de certeza! :D
    Beijinhos e Feliz Natal! :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Só me apercebi agora que publiquei o teu comentário em duplicado, ups :)

      Já ouvi falar imensas vezes do Benjamin Clementine. Tenho de ir ouvir no youtube :D

      Eliminar
  11. Eu gosto de Benjamim, é um nome diferente mas é bonito 😀 Quandk disse ã minha familia que ia pôr Gabriel, no inicio não gostaram, diziam que não soava bem... vá-se lá perceber. Agora toda a gente adora ahahah Escolhe o nome por ti e pelo teu marido 😀😜

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gabriel é um nome que nunca escolheria, é dos tais dos doentes do piorio :P

      Eliminar
  12. Começo por dizer que a vossa lista de nomes é muito interessante e eclética (Adoro António, Estêvão e Gil). Não acredito que existam muitos pais que ponderem tanto João como Nicolau! :D
    A escolha para rapariga teria sido mais fácil ou ainda mais complicada?

    Da minha parte, estou aqui no meu cantinho a torcer por Benjamim. :) Gosto de nomes mais únicos, mais marcantes, e tem a vantagem de ser mais internacional e reconhecível noutras línguas que Francisco. Também são muito diferentes em termos de popularidade, Francisco foi o terceiro nome mais registado o ano passado enquanto só nasceram 45 Benjamins.

    De qualquer forma, seja um ou outro, o vosso filho vai ter um nome lindíssimo. :) Não é preciso ter pressa, a "inspiração divina" virá eventualmente! ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Por acaso sempre achei graça a isso. Gosto de João e de Estevão ao mesmo tempo :P

      A escolha para rapariga teria sido mais fácil acho eu. Havia Beatriz, Bianca, Carolina, Diana, Francisca, Gabriela, Luísa, Rita e Sofia, sendo que o nítido top 3 era Bianca, Gabriela e Luísa. Eu gostava mais de Luísa e o Pedro de Gabriela, por isso era provável que escolhêssemos entre as duas :P

      Eliminar
    2. Nesse caso eu estaria aqui a fazer campanha por Luísa, é dos meus nomes preferidos! :)

      Eliminar
  13. Isso é mesmo muito pessoal. Se calhar até só escolhem quando lhe virem a carinha :-)
    O meu nome não é comum e quando era pequena odiava porque ninguém se chamava como eu...
    A minha filha chama-se Beatriz porque ainda antes de engravidar sonhei que estava grávida e a bebé era Beatriz. Até era um nome que nunca tinha pensado, mas o sonho foi tão real que não podia não o escolher. Beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estes sonhos são mesmo engraçados não são? :) Beatriz é um nome muito bonito :)

      Eliminar
  14. vocês são um casal tão peculiar, tão diferente, com ideias tão engraçadas e amorosos, que acho que deviam decidir pelo benjamin, por ser diferente e não tão comum como o francisco. muitos beijinhos joana*

    ResponderEliminar
  15. http://nomesportugueses.blogspot.pt/2011/10/duelo-de-nomes-benjamim-vs-valentim.html#more

    :)

    ResponderEliminar
  16. Gosto dos dois. Percebo que haja medo de ser muito diferente (vêem-se nomes agora que eu só penso "coitada da criança quando andar na escola" ahah) mas acho que não correm perigo com nenhuma das opções! Pessoalmente, se algum dia tiver filhos vou tentar escolher nomes que sejam relativamente internacionais, mas isto talvez seja mania de nómadas como eu ;) Por isso, e só por isso (até porque Francisco é o meu nome "português" preferido) acho que escolheria Benjamim!

    PS- Sou fã de vocês os 2, a sério, parecem-me um casal 5*!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada :) Pois, nós também pensamos nisso de ser um nome internacional :)

      Eliminar
  17. So conheço uma pessoa com nome Benjamim - é uma ótima pessoa :) adoro. É um nome super original, e Beni como diminutivo é o mais querido de sempre ^.^

    ResponderEliminar
  18. Oi.
    Um dos motivos pelo qual só eu e o Pedro sabíamos do nome do Diego, foi mesmo por causa dos bitaites: gosto, não gosto, não se diz bem, é espanhol e bla bla bla.
    No dia em que nasceu, revelamos a solução final ao mundo:)
    Se tivesse/tiver outro filho, acho que vou fazer o mesmo.
    Gosto muito de Francisco (o meu afilhado tem esse nome). Por outro lado acho Benjamim mais diferenciado.
    O nome que vocês decidirem, é o nome certo!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Acho que vamos fazer como tu: decidir e no fim contar à malta :)

      Eliminar
  19. Não gosto muito de Benjamim, mas - surprise, surprise!- não sou eu que tenho de gostar, são vocês!
    e vá, daqui a uns anos também dava jeito que o miúdo gostasse, só assim naquela... mas até lhe podiam chamar João ou Rodrigo ou Francisco (nomes super comuns) e o puto acabar por odiar, é uma caixa de Schrödinger :p

    Eu apostava no olhar para a carinha do bebé para decidir :)
    (até porque, mesmo que se atrasassem, nos primeiros tempos ele quer mama, colo e fralda limpa, importa-se lá de ter nome ou não? :P)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu sou Joana e não gosto de Joana :P Podemos sempre chamar-lhe coisinha fofa ou ursinho, até agora tem corrido bem :P

      Eliminar
  20. Olá Joana, não sei se você sabe mas o nome Benjamim é bíblico e significa "filho da mão direita" (Gn 35:18), e podemos chamar carinhosamente de Ben ou Benzinho. Já o nome Francisco (ico) é tão comum aqui no Brasil que creio chegar aos milhares. A minha sugestão é que vocês escolham o nome que melhor tocou o coração de vocês no primeiro momento que pensaram. Desejo uma gravidez com muita saúde. Cybelle

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O problema é que gostamos mesmo dos dois da mesma forma :) Mas pronto, ainda falta para decidirmos :)

      Eliminar
  21. Adoro Matias, é o nome que mais quero dar! Mas Benjamim também é super fofo, conheço um miúdo (mesmo querido) com o diminutivo de Benji :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Matias também é o meu nome preferido. Mas o Pedro vetou, não há nada a fazer! :)

      Eliminar
  22. Benjamim é um nome muito bonito :) Parabéns Joana! Nao sabia que estavas gravida :) Fiquei muito contente com a noticia, que tudo corra bem! Fiz aqui uma corrida no teu blog principalmente nos posts ligados à gravidez e fiquei encantada!
    Muitas felicidades,
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  23. Há muitos Franciscos no mundo mas, Benjamins não deve haver.
    Nas Creches, Jardins de Infância, Escolas Primárias e por aí afora enquanto a criança estudar, se há 2/3 alunos na mesma sala/turma com o mesmo nome, os(as) Educadores(as) e Professores(as) vão sempre chamar a criança pelo nome + o apelido para os diferenciar.
    Se, no vosso caso, chamarem ao vosso filho BENJAMIM, certamente não deverá haver outra criança na sala/turma com o mesmo nome porque não é um nome muito usual de usar.

    Vocês são os Pais. Ele será o vosso filho. Vocês é que decidem qual o nome com o qual irão batizar a criança.

    Um bom resto de gravidez, que tudo corra pelo melhor e um bom Natal!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Curiosamente na creche que escolhemos já há um Benjamim! É uma praga :P

      Eliminar
  24. Olá! O ex-namorado de uma rapariga minha conhecida chama-se Benjamim e os amigos chamam-lhe Beni(escrevem Benny) e eu tenho um gato chamado Benjamim (Às vezes chamo-lhe Ben ou Benji). Francisco é um nome intemporal que fica bem em qualquer idade. Só por curiosidade: o nome Benjamim que dei ao meu gato é o nome da prova de uma categoria do Canguru Matemático (prova para 7º e 8º anos). Boa escolha e que ele venha cheio de saúde!

    ResponderEliminar
  25. Acho Benjamin um nome muito infantil. Funciona quando se é pequeno, mas quem é que leva a sério um Benjamin quarentão? :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também pensamos nisso. Por outro lado, não se pode dizer que Francisco seja um nome muito maduro :P

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />