7 de outubro de 2014

Caril de peixe para um plano a médio prazo :)

There's plenty of girls in the sea,
And plenty of seeds in a lemon.
The trick is in trying to stay free,
When it's never that great to begin with.
The surgeon performs precise little cuts,
But he's never perfect, he's thinking too much.
And it's really no comfort to me,
There's plenty of girls in the sea.

MGMT


Não, não é engano. Há mesmo uma receita de peixe no blog.

Eu já vos tinha contado que cá em casa não somos propriamente grandes fãs de peixe. Não é que não gostemos, mas simplesmente somos extremamente específicos e incompatíveis nas nossas preferências: o Pedro só gosta de peixe grelhado, eu sou mais menina de peixe assado e pataniscas de bacalhau.

Quando começámos a viver juntos resolvemos esta questão da forma mais diplomática possível: nunca cozinhávamos peixe e eu matava saudades de peixinho assado quando ia jantar a casa dos meus pais de quinze em quinze dias.


Este sistema funcionou às mil maravilhas durante todos estes anos, mas com o tempo apercebi-me de um pequeno problema: a médio prazo queremos ter bebés, e se queremos que eles tenham uma alimentação variada e diversificada vamos precisar de ser bons exemplos. Ora se cá em casa já comemos fruta, vegetais, leguminosas, proteínas magras, poucos hidratos, gordurinhas saudáveis com moderação e uma quantidade reduzida sal, não ia ser difícil habituarmo-nos ao peixe, certo?

Errado.


Primeiro tive de lutar contra o facto de eu simplesmente não gostar do sabor da maioria dos peixes (o que é estranho tendo em conta que adoro lulas, polvo ou marisco, mas adiante). Eventualmente descobri que o segredo era mascarar o sabor do peixe com quilos de especiarias, mas nem assim consegui convencer o Pedro a alinhar na ideia.

Eu não sou adepta de desistir facilmente, e se consegui transformar o Pedro num apreciador de brócolos presumi que ia ser fácil convencê-lo a gostar de peixe. E pus mãos à obra.


Assim surgiu este caril, numa tentativa esperançosa de converter o Pedro num seguidor da nova religião cá de casa. Não o converti propriamente num beato do peixe, mas acho que consegui transformá-lo num simpatizante.

Agora só falta que ele aceite comer peixe nos outros pratos todos. Suspiro.


Caril de peixe

Ingredientes (para duas pessoas):

* Uma cebola picada;
* Dois dentes de alho picados;
* Um fio de azeite;
* 250g de lombinhos de peixe cortados em pedaços pequenos;
* 100g de feijão-verde redondo;
* Molho de tomate a gosto;
* Uma colher de chá de paprika;
* Uma colher de chá de pimentão-doce;
* Uma colher de chá de piri-piri;
* Uma colher de chá de ras el hanout;
* Duas colheres de chá de caril;
* Uma colher de chá de açafrão;
* Uma pitada de sal;
* Uma pitada de canela;
* Uma colher de chá de vinagre.

Confecção:

* Refogar a cebola picada e o alho picado num fio de azeite e juntar o peixe e o feijão-verde;

* Juntar o molho de tomate e temperar com a paprika, o pimentão-doce, o piri-piri, o ras el hanout, o caril, o açafrão, o sal e a canela;

* Acrescentar o vinagre e deixar cozinhar;

* Rectificar os temperos e servir acompanhado com arroz basmati.


Até amanhã :D

3 comentários:

  1. Olá Joana,

    Eu sei que anteriormente já pedi isto... Mas será que dá para pores a receita desse arroz branquinho?
    É que esse arroz deixa-me maluca :-) (desculpa lá a expressão) :-) :-) :-)
    Eu adoro arroz branco e esse parece o da minha avó (que neste momento já não pode cozinhar e eu nunca mais comi um arroz tão bom como o dela)!
    Não precisa de ser já, não precisa de ser pelo blog... Mas pleaseeeeeeeeeee diz-me como fazes esse arrozinho... Assim com os detalhes todos, desde a marca do arroz até às medidas todas... É pedir muito não é??? :-(

    Nunca me tinha surgido a ideia de caril de peixe, mas pelo aspecto parece-me uma coisinha para fazer furor cá em casa :-) Já que nós adoramos peixe de todas as maneiras e feitios!!!

    Beijinhos grandes***

    ResponderEliminar
  2. Adoro peixe e adoro caril de peixe! (por acaso hoje fiz um post sobre as pessoas esquisitinhas... ;-) )

    ResponderEliminar
  3. Por acaso ouvi há pouco tempo uma música dessa banda :) que pena não poder ser essa para eu poder fazer uma piada sobre sintonia! :(
    Por acaso da última vez que comentei um post teu sobre peixe lembrei-me do quão pouco gostava de peixe e de como quase nunca o comia, mas desde aí que sempre que como peixe cozido (ainda por cima é um peixe fino - escamudo do alasca. Eu comprei por causa da palavra "escamudo". E porque era o mais barato.) ou dourada grelhada questiono-me sobre como fui capaz de proferir tais injúrias :P
    Acho que pataniscas de bacalhau não conta bem bem como peixe... Haha :P
    Essas vossas pequenas incompatibilidades limitam-te um bocado na cozinha... Mas daí também sai alguma criatividade :)
    Haha que diplomático... Isso soa a desculpa de quem não gosta muito de peixe! ;) que solução simplista!
    É tão chato quando aquilo que devia ser o mais fácil se revela difícil ;)
    Eu acho que o marisco é bastante diferente do peixe... Até porque tem outra conotação :P o meu primo não come NENHUM peixe (Esquisitices. Ainda por cima pescava e não comia o que apanhava!) e gosta de marisco. A minha avó acha imensa piada a essa história "de não gostar de peixe". Também não gosta de água - e cada vez mais a ironia em ser pescador é mais evidente :P
    Agora estou a começar a aperceber-me de que ter comparado a minha relação com o peixe à tua foi idiota - gostas muito menos do que eu :P eu gosto de bastantes peixes, até, e simples (com simples não quero dizer "receitinha simples", é mesmo grelhar ou cozer) e ao natural - sinceramente peixe com especiarias não me parece a melhor coisa do mundo (mas estou disposta a mudar de opinião!).
    Bróculos deve ser mais difícil! Não dá para disfarçar... Mas não sei se há esperança para alguém que gosta do melhor vegetal de sempre!
    Acho que já é um progresso! Com este treino vais ser a melhor a enfiar comida aos miúdos ;)
    Se vos fez comer peixe então deve valer a pena! Depois de um debate mental acho que vou guardar a receita :) mas feijão verde não! :P
    Tem um aspeto bom - surpreendentemente bom para caril de peixe! Coisas de peixe costumam soar a gozo/pesadelo de crianças. Nomeadamente a sopa de peixe (Mafalda :P) e o arroz de peixe (que a minha avó não pára dizer ser horrível depois de o ter feito antes de eu ter nascido e ninguém o comer - e ela é rancorosa nessas coisas :P)
    Os teus anéis de arroz com o prato-estrela da receita dentro ficam sempre tão giros!

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />