23 de maio de 2014

Limonada e a pior corrida de sempre!

Crack the shutters open wide,
I wanna bathe you in the light of day.
And just watch you as the rays
Tangle up around your face and body.

I could sit for hours finding new ways
To be awed each minute.
'Cause the daylight seems to want you,
Just as much as I want you.

Snow Patrol


Para quem acompanha de perto o blog e a página de Facebook já se tornou óbvio que comecei a tornar-me uma maluquinha das corridas.

Gostava sinceramente de vos contar uma história bonita e inspiradora sobre como comecei a correr. Gostava de vos contar que tive uma epifania com a minha consulta da medicina do trabalho e que percebi que tinha mesmo de voltar a fazer actividade física mais a sério depois de ter passado um milénio parada a estudar para o exame da especialidade. Mas na verdade não foi nada disso que aconteceu.


A verdade é que a epifania aconteceu durante a minha primeira aula de canto. Logo nos primeiros cinco minutos a professora disse que o canto era extremamente exigente fisicamente e que os cantores líricos eram inclusivamente considerados atletas de alta competição. É claro que eu pensei logo algo do género:

'Pffff mas quão difícil pode ser isto? É só saber controlar a respiração!'.

Nos vinte minutos seguintes teria engolido todas aquelas palavras, se tivesse energia para isso.


Saí da aula tão acabada fisicamente que percebi que sim, estava na altura de agir. Deixar o carro longe no parque de estacionamento, ir ao supermercado a pé e subir pelas escadas no hospital já não chegava: eu precisava mesmo era de actividade física a sério, e de preferência uma que me ajudasse a desenvolver os músculos respiratórios.

No dia seguinte fui comprar umas sapatilhas decentes e aconteceu a segunda epifania: apaixonei-me por umas sapatilhas de corrida. Reconheço que neste ponto do percurso o Pedro considerou internar-me compulsivamente no serviço de psiquiatria ou chamar um padre para me fazer um exorcismo, mas eu estava determinada: ia mesmo começar a correr.

Desde então tenho corrido seis dias por semana. Como não tenho muito tempo disponível opto por correr apenas dois quilómetros por dia, e geralmente faço a minha pausa no dia em que estou de banco. Corro à volta do quarteirão, sempre com o mesmo percurso, acompanhada pelo Pedro ou sozinha. Normalmente corro à noite (quando está mais fresquinho e tenho mais tempo livre), tirando nos dias em que corro sozinha e em que opto por correr à tarde (ainda sou uma menina do campo com medo de viver na cidade grande).

E confesso-vos que tudo tem corrido bem melhor do que eu estava à espera. Mas não neste dia em particular.


Neste dia decidimos ir correr para a Quinta das Conchas e fazer um piquenique depois. Como não conhecíamos tão bem o percurso decidimos correr apenas quinze minutos, e lá parti eu cheia de animação.

Não sei o que aconteceu, mas nunca correr me custou tanto. Estava calor, o tempo nunca mais passava, por todo o lado havia gente com gelados apetitosos na mão (os idiotas!), o piso era irregular, doía-me a barriga, tinha sede e só me apetecia parar, cruzar os braços e  não mexer nem mais um músculo. A dada altura o Pedro disse que faltavam dois minutos e saí um bocadinho do meu estado de sofrimento atroz, só para continuar a arrastar-me naqueles que foram os dois minutos mais longos de toda a minha vida.

Quando acabámos caí de joelhos no meio da terra, sem forças e com o orgulho na lama. Depois fomos ao carro buscar a comida e eu sentei-me no chão amuada e derrotada. E tudo isso desapareceu quando bebi um gole desta limonada bem geladinha.


No dia seguinte fui correr à volta do quarteirão. Sem calor, sem pessoas, sem gelados e com o alcatrão direitinho. E uma parte de mim sentiu pena por, no fim, por não me poder novamente presentear com esta limonada deliciosa.

Mas foi uma parte pequenina, confesso. É que enquanto me lembrar disto nunca mais corro naquele sítio do demónio.


Limonada (receita adaptada do blog 'Simply So Good')

Ingredientes (para um litro):

* Meia chávena de açúcar amarelo (a minha limonada ficou mais escura por causa disto, se preferirem podem usar açúcar branco);
* Meia chávena de água;
* Raspa de meio limão;
* Meia chávena de sumo de limão;

Confecção:

* Juntar o açúcar e a água numa panela e aquecer em lume brando, mexendo lentamente;

* Deixar a mistura ferver durante cinco minutos, retirar do lume e deixar arrefecer ligeiramente;

* Juntar o sumo de limão e a raspa de limão e deixar arrefecer completamente;

* Acrescentar 600ml de água (eu juntei uma cerveja de limão e o restante de água).




Espero que gostem e bom fim-de-semana! :D

16 comentários:

  1. Para correr nem uma limonada fresquinha me convence :P Ahah

    ResponderEliminar
  2. Belas sapatilhas! :-) Há sempre uns dias em que o desporto nos corre mal... Mas vale a pena!

    ResponderEliminar
  3. Respostas
    1. Dora uma vez fiz uma limonada com adoçante que ficou tão má que só serviu mesmo para entrar numa marinada de cabrito que o meu pai fez, porque ninguém a conseguiu beber ;) Mas se fores bem sucedida avisa :D

      Eliminar
    2. Sendo assim, deixo-me estar quieta :)

      Eliminar
  4. Mas o sitio é lindo! :)
    Eu cá também não sou nada dada a exercicios fisicos, o meu único exercicio é o percurso de casa até a universidade, percuso esse que faço em 4 ou 5 minutos...Mas por uma limonada destas acho que era capaz de correr um bocadinho :)

    Mia*

    http://miascuisinemf.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. as sapatilhas são tão fofinhas :))))
    como começar a correr? há algum plano de treino? alguma dica ou sugestão?

    Merci, bom fim de semana

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Há vários planos de treino disponíveis na internet :) Eu comecei simplesmente a correr, fazia 15 minutos por dia todos os dias e agora faço 20. O plano é subir para os 30 e depois a partir daí começar a trabalhar nas distâncias ;)

      Beijinhos :)

      Eliminar
  6. Jo adorei a limonada e está com uma cara ótima....
    adorei o tênis!

    Beijoss *-*
    ==> Pâm Focada na Dieta

    ResponderEliminar
  7. Quanto tempo costumas correr? ou velocidade? Tens visto resultados?
    beijinhos
    viagemdoceviagem.blogspot.com | Facebook

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu comecei por correr 15 minutos, o que nas minhas contas me dava mais ou menos 2 km. Entretanto decidi focar-me mais no tempo e agora corro 20 minutos todos os dias. O plano é aumentar para os 30 minutos e aí sim focar-me no aumento da velocidade (ou na diminuição da distância!) :) Eu tenho visto resultados - fisicamente sinto-me com mais energia, ajuda-me a combater a ansiedade e consigo controlar melhor a respiração :)

      Beijinhos :)

      Eliminar
  8. A minha receita de limonada é um pouco diferente: num processador coloco 1 a 2 limões (dependendo do tamanho) descascados e sem caroços, aos quais junto 4 colheres de sopa (mal cheias) de açúcar amarelo. Processo tudo até ficar uma espécie de polpa. Coloco num jarro e junto duas medidas do processador (é daqueles pequeninos que encaixam na varinha mágica) cheias de água. Gelo e mexer tudo! Fica muito bom :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Parece mesmo bom :D Será que resulta com uma varinha mágica? Não tenho liquidificador :( Beijinhos!

      Eliminar
    2. Funciona, sim!! Aliás, começou por ser feita com uma varinha mágica, apenas tens de cortar os limões em pedaços mais pequenos :) É preferida do meu maridinho! beijinhos

      Eliminar
  9. Belas fotos Joaninha!

    Beijinhos e bom fim de semana!

    ResponderEliminar
  10. Yaay :) Eu sabia que ias acabar por te render... Mesmo que se tente e não consiga fica-se com aquele bichinho de "já agora, por que não he-de conseguir?" :P Mas a tua razão é bastante original :) Nunca cantei "a sério" e não consigo imaginar exatamente a maneira como é difícil, mas dá para perceber que é (então depois deste post, fiquei com medo de o fazer:P)
    É bom que corras todos os dias :P Começas bem e com dedicação! Eu nunca tive paciência para isso (e supostamente também não tinha tempo, mas essa parte teve de ser engolida porque se TU tens tempo eu também deveria ter). Por acaso, no início, era 1x por semana ou de 15 em 15 dias... Preguiçosa :P Ainda bem que fui aumentando, nunca mais chegava lá! Não sei qual é o fundamento de "cumulative fatigue", mas até me parece razoável :P
    Também costumava correr à noite... Mais fresco, de manhã é horrível se estiver calor. Mas só quando o meu pai corria comigo (agora está fora do jogo por uns meses :P), de resto manhãzinha. Portanto podes imaginar o meu alívio ao ver este tempo horrível :P nem quero saber se chove, só para não ter de acordar às 6 da manhã e acabar por apanhar imenso calor à mesma! (Fico com medo de pensar no verão... Haha :P deitar de dia para ir correr soa mesmo bem!).
    Realmente não sei o que acontece, mas também já tive corridas (vou tendo de fez em quando) assim :P É mau porque formam uma espécie de espiral, com o "desamor" pela corrida a aumentar... Mas depois há reconciliação numa que corra melhor :) Acho que o calor influencia mesmo muito! É que é absolutamente terrível, prejudica tudo, é-se mais lento, "corre" pior... :(
    E o piso também deve contribuir muito, nota-se bem! Onde corro há muita estrada de paralelo irregular, o que deve ser extremamente apreciado pelas minhas articulações. Cansa. Chego a um piso liso e fico super feliz... Nunca gostei tanto da cultura portuguesa, correr em calçada é paradisíaco, até me sinto a voar!
    Dores de barriga = dores de burro? Eu sei que estou a concordar demasiado com tudo, mas é mesmo mau :P :(
    Fiquei com pena de ti, deve ter sido mesmo mau! Ainda por cima até parecia agradável... Ir dar uma corridinha e fazer um piquenique numa quinta :) Parece um plano perfeito... Paciência, ao menos já passou! E acabaste ;) Também não tem piada nenhuma, que falta de bom senso, a comer gelados enquanto outras pessoas correm, onde é que já se viu?! ;)
    Ainda bem que há limonada para contrabalançar as coisas! E que não desististe e correu melhor no dia seguinte. Mas especialmente a parte da limonada. Parece-me simples e deliciosa, embora também tenha gostado muito da receita de um dos outros comentários :)

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />