20 de maio de 2014

Iogurtes de mel e nozes para um elemento da família :)

Because when the sun shines, we'll shine together,
Told you I'll be here forever,
Said I'll always be your friend,
Took an oath, I'ma stick it out to the end.

Now that it's raining more than ever,
Know that we'll still have each other,
You can stand under my umbrella.

Rihanna (versão bem mais gira pelos All Time Low aqui)


Na véspera da minha partida para Londres recebi uma chamada da minha mãe, que me contou que a Liby (a nossa gata, que está em casa dos meus pais) tinha caído da varanda. Os meus pais vivem a 300km de mim, num terceiro andar bastante alto.


A Liby ficou obviamente em estado de choque e foi prontamente levada ao veterinário pela minha família (que estava ainda mais em choque do que a pobre gata). Foi sedada e observada, fez um montão de exames que não revelaram qualquer dano estrutural e teve alta com indicação para ficar em observação em casa.

Quando a minha mãe me ligou o pior já tinha passado. Eles estavam mais calmos, a Liby também (embora estivesse muito sonolenta) e tudo estava aparentemente resolvido.


Eu fiquei preocupadíssima. Fiquei tão ansiosa que vomitei o jantar, passei meia hora a tremer de medo e liguei à Joana e ao Bernardo a dizer-lhes que já não ia a Londres. Peguei nas chaves do carro e estava pronta para sair disparada e conduzir três horas até casa dos meus pais (onde ia chegar à uma da manhã) quando o Pedro (que estava de banco) chegou e me acalmou.


Falei com a minha família e todos concordaram que não fazia sentido eu cancelar a minha viagem a Londres. A gata estava bem, eles também e tudo não tinha passado de um grande susto. Senti na voz da minha mãe que tudo estava bem e pude finalmente respirar fundo.

Durante a viagem liguei todos os dias para casa para saber como estava a Liby, que felizmente voltou num ápice ao seu habitual estado 'quero-andar-aos-pinotes-por-todo-o-lado'.


Alguns dias depois lembrei-me de um comentário que li um dia num blog. Dizia a dita pessoa que 'os cães são família, os gatos são animais de estimação'.

E pensei que gostava mesmo que essa pessoa tivesse estado cá em casa no dia em a Liby caiu da varanda. Gostava que ela me tivesse dito aí que um gato é apenas um animal de estimação. E gostava de ter acreditado nela, porque sofremos todos tanto com este episódio que isso só pode ser explicado pelo facto da Liby já fazer parte da nossa família.


Quando finalmente acalmei dediquei toda a minha concentração a abstrair-me da ansiedade das últimas horas e decidi fazer iogurtes (embora já fossem umas duas da manhã). Pus em prática uma ideia que tinha há séculos, e assim nasceram estes iogurtes de mel e nozes.

E juro-vos: que iogurtes! Estes pequenos pedacinhos de céu fizeram um sucesso estrondoso cá em casa, de tal forma que acabaram em apenas três dias. Ficaram cremosos e deliciosos, e cada colherada fez-me enlouquecer de vontade de repetir a receita até ao fim dos meus dias.


A sério que durante longos segundos pensei dar um chuto no Pedro e passar o resto da minha vida feliz ao lado destes iogurtes maravilhosos. Mas depois lembrei-me que os iogurtes têm um prazo de validade, por isso tivemos só um fugaz e intenso caso extraconjugal :D


Iogurtes de mel e nozes

Ingredientes (para sete iogurtes):

* Um litro de leite fresco meio-gordo;
* Três colheres de sopa de leite em pó;
* Três colheres de sopa de açúcar;
* Um iogurte natural;
* Mel q.b.;
* Nozes esmagadas em pedaços pequeninos q.b.

Confecção:

* Num tacho colocar o leite fresco, o leite em pó e o açúcar e mexer com uma vara de arames;

* Levar ao lume até ferver e deixar arrefecer;

* Quando estiver morno juntar o iogurte, misturando com a vara de arames;

* Distribuir o me e as nozes pelos copinhos e misturar;

* Cobrir com o leite e levar à iogurteira durante cerca de dez horas;

* Transferir para o frigorífico durante pelo menos quatro horas.

* Apaixonar-se! :D



Tenham uma boa Yogurt Tuesday :D

13 comentários:

  1. Ai que delícia... Adoro vir aqui cuscar as novas receitinhas :)

    A Liby parece uma gata com muita sote (não só por ter aguentado tão bem a queda, mas pela família que tem).

    Beijinho
    F*

    ResponderEliminar
  2. Ainda bem que a gatinha está bem.
    Hj voltei de Londres e já matei saudades da gataria (temos 5!). Só gostava mesmo de matar as saudades dos meus yogurts caseiros, mas para já n fazem parte da deita! Beijinhos**

    ResponderEliminar
  3. Tem mesmo um aspecto cremoso e delicioso, Jo! Adoro esses iogurtes assim. Babaaaaa ... :P
    Tadinha da Liby, espero que já esteja recuperada do susto! É nestes casos as vidas extras dos gatos vêm mesmo a calhar. ;)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Leo o teu blog há tempo, mas nunca comentei nada. Porem, com o que escreveste hoje tive que dizer algo: como te compreendo! Se à minha gatinha lhe (voltasse) a acontecer algo do género eu também ficaria horrível (se calhar não cancelava uma viagem, mas de certeza que não iria tranquilo). E para aqueles que dizem que os gatos não são bons companheiros... NÃO SABEM O QUE DIZEM!!
    Beijinhos desde o estrangeiro :D

    ResponderEliminar
  5. Que aspecto divinal!

    A Liby é família claro que é! E só vocês é que sabem e sentem isso todos os dias na pele. Continua bem?

    ResponderEliminar
  6. Olá Joana :)
    Sinceramente não sei o que isso é, nunca tive animais de estimação (à excepção de peixinhos e piriquitos) pelo que nunca senti esse "carinho" com um bichinho peludo :)
    Gostei dos teus iogurtes e falas tão bem deles que ando com vontade de comprar uma iogurteira :P
    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  7. Tem um aspecto mesmo irresistivel!

    Mia*

    http://miascuisinemf.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  8. Já me puseste a googlar preços de iogurteiras!

    ResponderEliminar
  9. Realmente deve ser muito chato. O sentimento de impotência por estar tão longe...
    É (demasiado) frequente a competitividade em coisas idiotas. Ai compraste um robot de cozinha a 1/3 do preço do que eu comprei há um ano? Pega lá que tem menos funções e o meu é melhor, há-de queimar e incendiar-te a casa toda. Tens um robot de cozinha mais caro e com melhor assistência do que o meu? O meu é melhor e foste enganado e, já agora, não sei quem é burro ao ponto de comprar uma coisa tão cara. Tens um tablet de outra marca? O meu é melhor e a bateria do teu vai viciar daqui a um mês. Corres e eu prefiro fazer musculação? Vais queimar os músculos todos, morrer de doença cardíaca aos 50 anos e ficar com um coração cheio de cicatrizes, para além da cara de parvo depois de uma corrida. (Dá para ver que sou particularmente sensível neste tópico?). És vegan? A soja é o maior veneno de todos os tempos e a carne faz imensamente bem. Espera aí, também comes glúten? É o outro maior veneno de todos os tempos.
    A sério, reparo nisto tantas vezes! E é por qualquer razão, desde uma marca de sapatilhas a um supermercado onde se faz compras (este é especialmente interessante), passando por escolhas quanto ao estilo de vida. Ficam todos na defensiva quando se fala, e há muita gente que salta logo quando falam de alguma coisa que implica diferenças. Então nos desportos e "dietas"... Dá mesmo a impressão de que não estão seguras das escolhas e guardam algum "rancor" por as pessoas fazerem algo diferente e poderem estar a beneficiar, portanto discutem fervorosamente.
    (Eu sei que é meio "snob" falar na 3a pessoa, mas não dá para escrever de outra maneira :P)
    Isto (tudo) por causa dos gatos e cães. Eu tenho um cão e sinceramente "prefiro" cães a gatos, mas acho que podem ter um papel igualmente importante e que são ambos importantes e fofinhos :P
    Não aproximo os animais domésticos assim tanto da família, acho que têm papéis bem diferentes. Mas adoro o meu cão e acho que não é de todo "um objeto"! Gostaria igualmente de um gato se o tivesse :)
    A tua gatinha é resistente! Que queda...
    Dá bem para perceber o teu estado. Muito bem. Ficaste mesmo desconcertada!
    ... Resolves sempre os teus problemas com coisas deliciosas! :D Nunca vi uma banana com tão bom aspeto. A sério. E envolvida em iogurte... Com mel e nozes... :D Estou mesmo convencida com estes iogurtes, mais ainda não vai ser esta semana porque não deu para comprar o leite :( Me aguardem, que eu não tardo! :D

    ResponderEliminar
  10. Olá! Vou experimentar fazer estes iogurtes, sem dúvida. Parecem deliciosos!

    Quanto à tua gata, eu apenas tenho cães, mas qualquer que seja o animal, desde que seja devidamente amado e cuidado, são sempre parte da família. Eu já chorei baba e ranho pelos meus, até mais do que chorei por algumas pessoas.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />