4 de novembro de 2013

Creme de legumes disfarçado de caldo verde (riso maléfico!)

A little education, to give you motivation,
We'll turn the situation.
'Cause I don't wanna change you,
Making you a stranger,
I'll only re-arrange you... 
For now!

Arctic Monkeys (originalmente das Girls Aloud)


Um dos defeitos que eu desconhecia completamente que possuía antes de começar a namorar com o Pedro é o facto de eu ser manipuladora.

Não digo isto no mau sentido, ao estilo das vilãs das novelas do horário nobre. Eu sou manipuladora no sentido em que gosto que as coisas sejam feitas à minha maneira, e amuo quando isso não acontece.


O Pedro chama-lhe manipulação, mas eu pessoalmente gosto mais de pensar em mim como uma espécie de mini-diva: gosto de ter razão, gosto de estar certa e gosto de fazer as coisas à minha maneira. O problema é que estou numa relação com um indivíduo teimoso como uma mula, que também adora ter razão e que detesta quando lhe tentam dizer o que fazer.

E aqui entra a manipulação.


O Pedro não gosta de sopa, e não é o maior fã de comer legumes que não sejam pimentos, cenouras ou alface. A única sopa que ele aprecia é o caldo verde, e por isso de vez em quando faço a minha própria versão (que já vos tinha inclusivamente mostrado aqui), sem batata e com courgette e couve-flor.


A questão é que a dada altura eu percebi que o Pedro não consegue decifrar o que contém a sopa, desde que leve caldo verde e chouriço. E então entrou em cena a manipulação, porque desde aí que o meu caldo verde se tornou na verdade um creme de legumes disfarçado. O Pedro não percebe, e o que ele não sabe não o afecta. Estou a manipulá-lo, mas é para o bem dele, certo?

Bolas, será que não passo de uma vilã das novelas do horário nobre?


Creme de legumes disfarçado de caldo verde

Ingredientes:

* Uma courgette grande (com 400g);
* 400g de couve-flor congelada;
* Uma cebola picada;
* Três dentes de alho picados;
* Uma colher de sopa de salsa picada;
* 200g de brócolos congelados;
* 100g de espinafres congelados;
* 400g de couve galega cortada;
* Cinco rodelas de chouriço de peru;
* Sal q.b.

Confecção:

* Colocar água numa panela e deixar ferver;

* Juntar a courgette descascada e cortada em cubos, a couve-flor, a cebola, o alho, a salsa picada, os brócolos e os espinafres e deixar cozer;

* Passar com a varinha mágica (normalmente eu retiro alguma água antes de passar para evitar que a sopa fique demasiado líquida, e vou acrescentando água se achar que está muito espessa);

* Juntar a couve galega cortada e as rodelas de chouriço;

* Deixar cozinhar;

* Há quem opte por juntar um pouco de azeite, mas pessoalmente eu não tenho esse hábito (não tenho nada contra juntar azeite na sopa, é mesmo uma questão de hábito).


Espero que gostem! :D Eu sei que Segunda costuma ser a Muffin Monday cá no blog, mas ultimamente tenho andado a apostar em gastar os muffins que tinha congelado de outras aventuras anteriores :D

Tenham uma óptima semana! :D

8 comentários:

  1. que bela ideia para quem não "gosta" de outras sopas! Bjinhos Miss Manipuladora! :-)

    ResponderEliminar
  2. Olha lá ele não lê o blog?
    É que agora isso vai afecta-lo e tu vais deixar de o conseguir "manipular" e tratar-lhe bem da saúde! Sim, porque dar-lhe sopa de legumes é tratar bem dele.
    Oh Joana, podes ter estragado a tua óptima estratégia de tornar o teu futuro marido num homem mais saudável!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ele já sabe que a sopa era de legumes, aliás eu disse-lhe logo depois de ele acabar o pratinho e dizer que estava deliciosa :P Muahuahuahuah ;)

      Eliminar
  3. Acho que todas temos o nosso lado de vilã de novelas, principalmente quando eles têm a mania de nos contrariar :D
    Essa sopa ficou bem apetitosa.

    ResponderEliminar
  4. hehehehehe... uma "manipulação" saudável. Ainda para mais se ele gostou :)
    Beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Por vezes quando leio os teus posts dou por mim a pensar, mas será que ele não lê o blog dela? E este foi precisamente um desses. :) Ele não lê o blog? Não fica a saber todas as traquinices que lhe fazes?

    ResponderEliminar
  6. Então o meu palpite estava certo? Era mesmo para incentivar o consumo de legumes do P.!
    Eu por acaso gosto de azeite (do bom!) na sopa - talvez seja mesmo uma questão de hábito.

    Acompanhar sopa de broa de milho é um mimo!

    Beijos!

    ResponderEliminar
  7. Eles no fundo gostam de ser "manipulados", para não assumirem que gostam de determinadas coisas :)

    Caldo verde é a minha sopa preferida... e com essa fatia de broa então.. que maravilha :)

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />