25 de setembro de 2013

Quesadillas e um desabafo particularmente chorinhas.

But I'm a creep,
I'm a weirdo...
What the hell am I doing here?
I don't belong here.

Radiohead


Às vezes eu sinto que não sou nada de especial. 

É bastante óbvio que estou a anos-luz da Joana que não sabia sequer grelhar um bife (não era muito difícil), mas será que sou assim tão fantástica ao ponto de ter um blog de culinária com 50 mil visitas por mês? Serão os meus cozinhados assim tão bons e as minhas ideias assim tão originais? Serão as minhas fotos assim tão bonitas e as minhas histórias assim tão interessantes?

Não, não são. 


Não estou a ser modesta (até porque o excesso de modéstia irrita-me), e acreditem que não tenho problemas de auto-estima (vá, depende dos dias). Simplesmente questiono-me: porquê eu? 

Porquê eu, com a minha quantidade excessiva de receitas de muffins, a minha quase obsessão por comida mexicana, a minha falta de jeito para fazer bolos de aniversário e as minhas receitas extremamente simples e só mais-ou-menos saudáveis? 

Porquê eu, com as minhas histórias repetitivas, com o 'gosto muito do Pedro', o 'gosto muito do Natal', o 'o Pedro gosta de enchidos' e o 'faço uma refeição vegetariana por dia'?


Eu não sou inovadora. Eu não tenho jeito nenhum para coisas que envolvam a mínima destreza manual (vamos recordar-nos por um momento que chumbei a educação visual no 9º ano!). Eu não gosto de coisas elaboradas e pomposas. Eu não tenho paciência para esperar que a massa levede. 


Eu faço pratos com três ingredientes, enquanto digo para mim própria 'e tem isto um blog de culinária, a fazer pratos com três ingredientes!'.

Eu faço pratos com três ingredientes, mas que deixam o Pedro a murmurar de entusiasmo e a suspirar de satisfação entre dentadas. 

Eu faço pratos com três ingredientes, e acho que eles valem menos por isso.

Eu sou extremamente parva de vez em quando.


Quesadillas 

Ingredientes (para duas pessoas):

* Duas tortilhas de trigo;
* Três colheres de sopa de molho de salsa picante (normalmente fazemos o nosso próprio molho, mas neste dia em particular usámos o molho da Doritos);
* Queijo ralado q.b.

Confecção: 

* Colocar uma tortilha numa frigideira anti-aderente;

* Cobrir o centro com o molho de salsa e o queijo ralado;

* Cobrir com a outra tortilha;

* Deixar cozinhar, virando a meio;

* Servir cortado em triângulos. 


Normalmente as quesadillas têm mesmo imeeeenso queijo, mas eu decidi cortar um bocado - acho que as minhas coronárias agradecem :) Independentemente disso ficou um prato simples, rápido, saudável e saboroso :) 

Até amanhã :D

27 comentários:

  1. Una deliciosa receta para tomar un trocito a la cena huuuuu.Besoss

    ResponderEliminar
  2. Ai Joana tinha tanta coisa para te dizer acerca deste post =) Mas vou resumir muito bem. Cada uma dessas 50 000 pessoas que te visita diariamente, fá-lo exactamente por todas essas razões que tu enumeraste em cima. Para além de abordares receitas e assuntos interessantes, tu és uma pessoa fantástica =)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelas tuas palavras Sónia :) És uma querida, e uma pessoa muito especial :)

      Beijinhos :)

      Eliminar
  3. A resposta é fácil.
    Porque tens uma energia positiva que é rara. Porque tens, como já tive oportunidade de te dizer, uma forma de ver o mundo que pouca gente tem. Para ti tudo tem cor e brilho: um prato de três ingredientes ou uma refeição de três pratos. E é por isso que eu volto sempre cá, mesmo que tenham sido poucas as receitas que fiz daqui. Porque as tuas receitas não são receitas, são histórias que contas ao teu jeito de menina-mulher-cozinheira-apaixonada por tudo.

    ResponderEliminar
  4. Olá Joana,
    Primeiro que tudo deixa-me dizer-te que me divirto imenso a vir aqui ao teu blog e a ler o q escreves.
    É um blog jovem e que transmite a energia q tens, e é por isso q tens tantas visitas.
    Depois qd criamos um blog acho q primeiramente é para nós, para registarmos as nossas conquistas enquanto aprendizes de cozinheiras e isso é q faz as pessoas gostarem... :)
    Gostei da tua receita, mesmo tendo só 3 ingredientes.
    Beijinhos, bom dia.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens toda a razão Sara: quando eu olho para o passado e vejo o quanto evoluí como cozinheira sinto-me imensamente orgulhosa :D É mesmo uma grande conquista, e o melhor é que sei que vou continuar a crescer e a aprender ;)

      Beijinhos :)

      Eliminar
  5. É justamente a simplicidade o trunfo deste blog, com escrita simples e despretensiosa, sem carradas de publicidade e patrocinios de produtos, que conta histórias fantásticas de amor, de amizade, de viagens. É a simplicidade da comida do dia-a-dia e claro dos deliciosos muffins, que até eu, que não gosto de fazer bolos, fico babada. Felicidades

    Ivone

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada Ivone :)

      Na verdade eu faço mesmo de propósito: nunca foi o meu objectivo encher o meu blog de publicidade porque isso simplesmente não reflecte a minha personalidade. Sei que é uma óptima oportunidade para dinamizar o blog e publicitá-lo mais, mas gosto da forma simples como lido com isto :)

      De vez em quando falo de alguns produtos de que gosto genuinamente e não me pagam por isso (como os leitinhos com chocolate da Gresso!) e de vez em quando (embora seja raro) recebo alguns produtos em casa e falo sobre eles sempre com sinceridade, sempre explicitando que recebi o produto em questão.

      Mais uma vez muito obrigada pelo teu comentário, e espero continuar a deixar-te a babar :D

      Beijinhos! :D

      Eliminar
  6. Simples e com um aspecto delicioso
    Gostei muito
    bjs

    ResponderEliminar
  7. A maneira honesta e verdadeira como partilhas o que te vai na alma é que atrai tanta gente. Os bons momentos, as boas e simples receitas e a franqueza como te abordas e te expões torna esta blog um verdadeiro cantinho de conforto teu e nosso!

    Beijinhos**

    ResponderEliminar
  8. A maneira honesta e verdadeira como partilhas o que te vai na alma é que atrai tanta gente. Os bons momentos, as boas e simples receitas e a franqueza como te abordas e te expões torna esta blog um verdadeiro cantinho de conforto teu e nosso!

    Beijinhos**

    ResponderEliminar
  9. Há coisas que não se explicam, são empatias mas no teu caso para além de empatia é a simplicidade com que te apresentas e com que te pões em cada prato que fazes e mostras!!!És tu num prato...
    Bjoka
    Rita

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É precisamente isso que eu tento mostrar: eu no prato ;) Ainda bem que consigo transmitir isso :D

      Beijinhos Rita! :)

      Eliminar
  10. Eu cá posso explicar-te o porquê: precisamente por tudo o que referes... porque se lê por aqui autenticidade e porque te expões corajosamente e aos teus cozinhados simples mas deliciosos todos os dias - e não é para esse tipo de pratos que precisamos de ter inspiração para o dia a dia?
    Ah! E por que me fazes sorrir sempre com os teus posts.
    Beijinhos querida!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Mª João :D Sabes, nunca te disse mas tens um dos meus blogs preferidos :) Adoro ler as tuas receitas porque são simples, despreocupadas e aquelas que já experimentei saem sempre deliciosas :) Tenho uma leitora que me envia mails que adorou as tuas Overnight Oats, tenho de as experimentar :)

      Muito obrigada pelo comentário :)

      Beijinhos :D

      Eliminar
  11. eu cá adoro quesadilhas, comida com 3 ingredientes e do teu blogue, claro :) temos de fazer o que gostamos :) sempre :) beijinhos

    ResponderEliminar
  12. Visito o teu cantinho todos os dias!! É maravilhoso...
    Adoro ler-te! com os teus textos deixas qualquer um a perceber que és uma pessoa simples e meiga :)
    Por isso tens muitos leitores e pelas receitas claro!

    Beijinhos
    Luisa

    ResponderEliminar
  13. O que as pessoas vêem aqui - mas não sabem - é alguém que vive com uma certeza de um amor maior...
    Ser alegre não é fácil, exige trabalho, entrega, persistência..e Graça, uma grande Graça!
    Eu que acredito nesse Amor, vejo que é por Ele que te guias e n'Ele que descansas. Sei que é por isso. São pessoas como tu que despertam as perguntas do: «se ela é tão feliz e acredita, será que Ele também me reserva algo parecido?»..e isso para alguns é o início da conversão.
    Este blogue até podia ser de papel higiénico em segunda mão - mais do que as receitas (e olha que já fiz muitas e são bem boas), as pessoas querem descobrir qual é o «truque», qual é o «segredo» que te leva a ser assim.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelo comentário :)

      Na verdade eu confesso que às vezes tenho medo, muito medo. Penso que tenho uma vida fantástica, uma família que me ama e com quem me dou lindamente (na maior parte dos dias, como é óbvio também temos os nossos amuos), tenho um namorado (agora noivo!) que me ama e que me apoia, tenho alguns amigos bons que estão presentes na minha vida, entrei num curso que me faz feliz e ainda tenho todos os meus hobbies, que me completam e me fazem sentir plena: não só o blog e a culinária como demonstro aqui, mas também o canto (pois é, eu canto!), a dança, a pintura, as séries, os filmes, as viagens... E às vezes tenho muito medo que algures na vida esteja reservada para mim uma grande hecatombe, como que para equilibrar as coisas. Resumindo, às vezes eu tenho medo de ser demasiadamente feliz.

      Mas depois penso que na verdade a felicidade somos nós que a fazemos. Nós, as pessoas que estão à nossa volta, a nossa fé, a nossa paixão pelas coisas, a nossa curiosidade pelo mundo lá fora, a nossa entrega aos outros, a bondade que temos dentro da alma, a nossa eterna capacidade de sermos crianças: isso é a vida e é a felicidade - e se estiver alguma hecatombe reservada para mim algures no caminho sei que vou conseguir ultrapassá-la, até porque já ultrapassei algumas mini-hecatombes na vida :)

      Mais uma vez muito obrigada pelo comentário :)

      Eliminar
    2. :) Joaninha é isso mesmo! A felicidade somos nós que a fazemos! Compreendo o que sentes , ás vezes é tão grande tão imenso , tão intenso que chega a dar cocegas e borboletas na barriga e pensar se é assim mesmo e se merecemos ... e é claro que mereces ;) há pessoas que trazem luz dentro delas ( são feitas de luz) e isso faz com que tudo seja possível !

      Eliminar
  14. Gosta-se e pronto! E eu gosto muito do teu blog, das tuas receitas, das tuas partilhas! :)

    ResponderEliminar
  15. Não tens de te fazer essas perguntas, porque em última instância tens o blog para ti... e que por acaso imensas pessoas (incluindo eu) gostam de seguir :)
    Grande beijinho

    ResponderEliminar
  16. Se calhar é porque as coisas mais simples são sempre as melhores! Ou pelo menos as mais sinceras e directas e por isso tocam mais no nosso dia-a-dia: ver-te como uma pessoa normalíssima.
    O que haverá de melhor do que de repente abrir o frigorífico e... - ops! só tenho 3 ingredientes! Mas espera, a rapariga do blog dos muffins faz manjares com 3 ingredientes, se ela consegue eu também consigo!

    Boas receitas!

    ResponderEliminar
  17. Não acho que devas fazer essas perguntas :) se tens visualizações é porque gostamos mesmo de te ler!!
    E olha que eu adoro quesadilhas, e se só tiverem 3 ingredientes melhor ainda :)

    Beijinhos*

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />