13 de junho de 2013

Arroz à bolonhesa para um regresso a casa :D

Like a summer rose
Needs the sun and rain...
I need your sweet love,
To beat love away!

I just don't know what to do with myself!
Just don't know what to do with myself!

The White Stripes


Eu amo-me. Amo os meus pais, o meu mano e a minha avó. Amo o meu Pedro. Amo os meus amigos mais próximos, aqueles que estão sempre lá nos meus melhores e nos meus piores momentos.

Eu amo a Medicina e amo a Psiquiatria. Amo a culinária, as viagens, a música, os livros, os filmes e as caminhadas em Domingos preguiçosos.


Eu amo conhecer locais novos. Amo ser criança. Amo a Disney, os dias de sol, as noites quentes e todos os sonhos que tenho para o futuro.

Eu amo pensar nos nomes que vou dar aos meus filhos, e amo pegar-me com o Pedro porque ele recusa chamar Pedro a um filho (Pedro é o meu nome preferido, não tenho culpa que seja o nome dele!).


E depois de tudo isto, eu amo o peito de peru picado. Essa carne tão versátil, que nos permite fazer bolonhesa, almôndegas, hambúrgueres, empadão, chili, tartes salgadas, empadas, croquetes, rissóis, fajitas, lasanha, rolo de carne ou beringela recheada (ou courgette, ou tomate, ou cogumelos, ou virtualmente o que quisermos!).

O peito de peru picado é a carne que existe em maior quantidade no nosso congelador. Opto por comprar peitos de peru e pedir no talho para picarem - no Continente onde vou os senhores do talho fazem isso, mas sei que há muitos que não fazem. Em alternativa, há dias em que tenho mais pressa e pico a carne em casa.

O resultado é sempre igual: pratos simples, pratos deliciosos, pratos que contêm em si o conforto do regresso a casa.


Para hoje, o prato mais simples de todos: o arroz à bolonhesa. Um prato tão habitual cá em casa que confesso que fiquei verdadeiramente horrorizada por ainda não ter colocado aqui a receita. Logo este prato, um dos meus preferidos de sempre!

O arroz à bolonhesa é um prato muito simples, e cá em casa é feito em dias mais relaxados e mais felizes, ou em dias em que queremos encher a barriguinha com pouco trabalho.

Mas garanto-vos, este prato contém em si o conforto do regresso a casa. A casa que eu amo. O meu lar. 


Arroz à bolonhesa

Ingredientes (para duas pessoas):

* 250g de peito de peru picado;
* Meia cebola picada;
* Dois dentes de alho picados;
* Um fio de azeite;
* Uma colher de chá bem cheia de pimentão-doce;
* Uma colher de chá de paprika;
* Duas folhas de louro;
* Uma colher de chá de orégãos;
* Uma pitada de sal;
* Meia colher de chá de piri-piri;
* 200ml de molho de tomate;
* Arroz branco para duas pessoas.

Confecção:

* Refogar a cebola picada, o alho picado e as folhas de louro no fio de azeite;

* Juntar a carne picada e deixar refogar;

* Temperar com o pimentão-doce, a paprika, os orégãos, o sal e o piri-piri;

* Juntar o molho de tomate e deixar cozinhar;

* Servir com arroz branco (cá em casa usamos sempre arroz thai!). 


Até amanhã! :D 

17 comentários:

  1. Olá Joana,
    que vergonha não conhecia arroz bolonhesa, só faço com esparguete oh que ideia a minha.
    Adoro carne de peru e então estufada muito mais, e este arroz parece ser delicioso e consigo imaginar a carne envolvida nele, maravilha.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. :) Já me fizeste sorrir!!! É bom amar tanto, só assim a vida consegue ser sentida com a intensidade merecida :)
    Gostei da ideia do arroz bolonhesa, tenho de experimentar :)
    beijocas querida

    ResponderEliminar
  3. Costumo acompanhar com massa,mas confesso que achei a tua sugestão uma delicia.
    bjs

    ResponderEliminar
  4. Olá Joana, fico feliz por ver que continuas tão bem com a vida, tão feliz!!
    essa do arroz à bolonhesa é muito gira, para mim bolonhesa sempre foi com esparguete, tenho de experimentar. Ficou com um aspecto apetecivel!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. só comi arroz "bolonhesa" com soja...com carne, acabo sempre por fazer massa, mas deve ficar delicioso assim :)! Peru é a minha carne preferida.
    Beijinho :) tem um óptimo dia!

    ResponderEliminar
  6. Gostei da ideia do arroz à bolonhesa, costumo acompanhar sempre com massa, mas gostei da ideia

    ResponderEliminar
  7. Uma versão mais saudável de uma bolonhesa que é sempre deliciosa!!!

    E viva o Amor! Em todas as suas formas:)


    Beijinhos
    http://fabricocaseiro.blogspot.pt/2013/06/pavlova-de-canela-com-cerejas.html

    ResponderEliminar
  8. What a cheerful upbeat post to read this morning! And your rice Bolognese looks fantastic!

    ResponderEliminar
  9. que bom aspecto! ontem tb senti isso no regresso a casa, acho que sinto sempre por mais que amemos tudo o resto. beijoca!

    ResponderEliminar
  10. Ahahah!
    Que texto giro!
    O Pedro que não quer chamar o filho de Pedro! É só mudar o segundo nome e já é diferente! :P
    Quanto ao peito de peru é realmente de adorar uma carne tão versátil como explicaste! Dá para tudo! E eu acho-a óptima por não ter gordura!
    Ficou óptimo o teu arroz!
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  11. Arroz à bolonhesa nunca comi (nem sequer ouvi falar!) e é um conceito um bocado estranho. O peru picado também passo a vida a usar (sim, graças a ti - sempre que fazes receitas com frango transformo-as em receitas com peru, que são adicionadas às tuas receitas naturalmente "utilizadoras de peru"). Uso mesmo em quase tudo o que como (mesmo lasanha. Ah, fiz a receita da tua massa de lasanha com rolo e ficou muito dura! Usei - adivinha lá - peru picado com molho de tomate para reechear, e iogurte com alho para molho, e ficou um bocadinho calhau :( mas até foi giro de fazer) mas agora fiz uma pausa forçada (o unico sítio que me pica essa carne partiu a máquina enquanto me picava 2 quilos e meio de peru para chili - estou fã ;)) .
    Lembrei-me que tinha de comentar sobre as favas do outro post. Eu nunca gostei de favas, mas conheço quem adore mesmo arroz de favas. Agora recebi uma recarga de favas biológicas e passei a adorar favas. Como cozidas, na sopa ou (siiiiim) no wok! No wok ficam muito boas. Não te quero condicionar mas não sou lá muito de vegetais cozidos e gosto. Por outro lado, o mel e mostarda no salmão não estou a pensar experimentar, experimentei bolonhesa de soja moída com alecrim e odiei mesmo (pode parecer cruel - desculpa!, mas tens alguma sujestão para fazer com soja? Tinha-me enchido de coragem e comprei daquela em cubos, mas depois experimentei a tal bolonhesa e achei melhor ficar quieta!). Outra coisa que não me atrai é o baba ganoush :(
    Ps: eu sei que já foi há algum tempo mas... A baklaaava! Que delícia tenho mesmo de fazer :)
    Ps2: parabéns pelos gostos no facebook , pelos seguidores e pelas visualizações! Ah, e pelo último exame do curso ! (Acredito que estejas muito feliz!)
    Ps3: acabei de descobrir uma coisa interessante: http://conkerandindigomakes.com/2012/03/08/mashed-broad-bean-and-lemon-zest-muffins/
    Se nem limão e muffins ajudarem, então não sei o que ajuda ;)

    - bom resto de semana! :) e desculpa se me alonguei ...

    ResponderEliminar
  12. Acho que nunca comi arroz à bolonhesa, só massa! Mas se é à bolonhesa é bom. :) Também costumo fazer com carne de perú (os senhores aqui dos talhos picam tudo o que lhes peço, e eu amo isso ;) )

    Beijinhos!

    ResponderEliminar
  13. Ola Joana,
    que bela ideia! Nunca ouvi falar, mas deve ser delicioso! :D
    Bjinho

    Katia
    http://entretachosebimby.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  14. Muito bom :) Gosto muito de bolonhesa com arroz, ou tenho de gostar, porque em minha casa (de pais) quase só se come arroz e batatas ahah
    Fiquei com imensa fome!
    Beijinhos
    Inês

    ResponderEliminar
  15. Um prato simples, mas com óptimo aspecto!! Por acaso não costumo fazer bolonhesa com arroz :)

    Beijinhos*

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />