2 de maio de 2013

Laffa de frango com especiarias orientais para o desmoronar de um sonho.

Andorinha de asa negra aonde vais?
Que andas a voar tão alta!
Leva-me ao céu contigo, vá,
Que eu lá de cima digo adeus ao meu amor!

Ó Andorinha da Primavera,
Ai quem me dera também voar!
Que bom que era,
Ó Andorinha,
Na Primavera também voar!

Madredeus


Sabem quando algo de bom vos acontece e vos deixa de tal forma felizes que parece que andam a voar? 

Sabem quando algo vos faz cantar no carro todas as manhãs, ou quando aquele pensamento vos puxa para cima em todos os dias mais difíceis?


Sabem quando a ideia de um acontecimento futuro é tão importante que de repente vocês sabem que tudo aquilo que acontecer entretanto só poderá correr bem? 

Sabem quando vos sustenta a ideia de que todos os momentos maus que podem chegar entretanto irão culminar naquele momento de felicidade plena, e que nada mais importa?


Sabem quando de repente a concretização de um grande sonho está ao alcance das vossas mãos? 

Imaginem tudo isso. E agora imaginem que o momento pelo qual andei a sonhar durante meses subitamente se desmoronou como um castelo de cartas.


Ainda há uma réstia de esperança, mas o mais certo é que a resposta que esperei tão ansiosamente seja um não. 

Não - uma única palavra, capaz de desmoronar todos os castelos de cartas do mundo.


Chorei. E chorei, e chorei, e chorei. Chorei até ficar com os olhos inchados, chorei até me doer a cabeça, chorei até adormecer de cansaço. No dia seguinte chorei no carro, chorei no sofá e chorei no elevador a caminho do hospital.

E depois dei um grande passeio. Estava frio, estava vento, eu estava triste. Duas horas - e uma valente constipação - depois voltei para casa, fiz uma caneca de chá e sentei-me no sofá.

Se ainda há uma réstia de esperança eu vou persegui-la. Vou correr atrás dela com todas as minhas forças, vou dar tudo de mim, vou lutar de todas as maneiras que me ocorrerem. Não vou vacilar, não vou desistir, não me vou resignar.  

Até o jogo chegar ao fim ainda posso dar muitos pontapés na bola.


Laffa de frango com especiarias orientais

Ingredientes (para duas pessoas): 

* 200g de peito de frango cortado em cubinhos; 
* Dois dentes de alho picados; 
* Uma pitada de sal;
* Duas colheres de chá de mistura de especiarias orientais;
* Sumo de meio limão; 
* Um fio de azeite;
* Dois tomates chucha cortados em rodelas;
* Meia embalagem de alface iceberg cortada;
* Dois wraps.

Confecção: 

* Temperar os cubinhos de frango com o alho, o sal e as especiarias orientais e saltear numa frigideira anti-aderente com um fio de azeite; 

* Juntar o sumo de meio limão; 

* Juntar o frango com a alface e as rodelas de tomate e misturar bem;

* Servir embrulhado num wrap.


A ideia para este prato ocorreu-me quando vi a receita de salada de frango com caril do blog 'Ponto de Rebuçado'. É uma receita muito simples, na qual a mistura de especiarias orientais faz toda a diferença: fica um prato extremamente aromático e delicioso :D Eu uso a mistura de especiarias da Margão (que podem encontrar em qualquer supermercado), mas podem procurar misturas em qualquer loja asiática :) 

Até amanhã! :D 

E prometo que quando receber um sim vos conto o que se passa :)

39 comentários:

  1. Ó minha princesa :( força minha querida, o que nos quer derrubar, só nos arranja mais forças para as nossas próximas conquistas...bjokas muito grandes

    ResponderEliminar
  2. Olá Joana, agora fiquei preocupada :( Seja o que for que tenha corrido mal, a atitude certa é essa - não baixar os braços e continuar a lutar!
    E, entretanto, vais fazendo estas comidinhas deliciosas :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Olá Joana,

    espero que não seja nada de grave, que tudo fique como tu sempre desejaste.
    A atitude certa é não desanimares e lutar, certamente algo de bom irá acontecer.
    Gostei bastante desta sugestão.

    Beijinhos e muita força

    http://Thatcakesweet.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  4. Olá Joana =)
    É assim mesmo que se fala, vais conseguir tudo aquilo que quiseres.
    Não te quero triste sim? Vá toca a animar =)
    Beijinhos grandes

    ResponderEliminar
  5. Joana, minha querida.
    Este teu post deixou-me feliz e triste. Feliz por saber que te inspiraste na minha cozinha! E que maravilha de laffa...
    Muito triste por te "ler" tão triste e desanimada! Eu sei que é um lugar comum, mas, do alto dos meus mais de 40 anos, acredita quando te digo que o que é suposto ser "nosso" arranja forma de entrar na nossa vida. Não desistas, mas, caso não dê certo, avança, querida. A vida é cheia de oportunidades, basta andares a olhar para a frente.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. A esperança é sempre a última a morrer...Confia em ti!

    ResponderEliminar
  7. Força, Joana! E coragem nessa perseguição :) Apoiantes não te faltam, pois estamos todos a torcer por ti!

    Quanto à refeição, saudável e deliciosa, como sempre!

    **
    Aida

    ResponderEliminar
  8. Espero que o sim chegue Joana. E enquanto houver motivos para ter esperança, acredita. Beijinho grande *

    ResponderEliminar
  9. Olá Joana,

    :( não faço ideia do que se passou, mas qualquer coisa grita...

    ResponderEliminar
  10. Olá Joana,

    Gosto muito de te ler e acho que escreves muitíssimo bem. És linda por dentro tal como o és por fora (já te vi no metro uma vez) e deixa-me muito triste pensar que estás desiludida. Essa cara foi feita para ter um sorriso e espero que o sim chegue rápido e que consigas realizar o teu sonho.

    Beijinhos,
    Ass: Anónimo apaixonado.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá!

      Antes de mais muito obrigada pelo comentário e pelas palavras de carinho :) Eventualmente toda esta situação se irá resolver, quer a resposta seja sim ou não ;) Mas a esperança é a última a morrer, e por isso lá vou acreditando que o sim é possível. A ver vamos :)

      Muito obrigada 'Anónimo', deixaste-me um sorriso nos lábios :)

      Beijinhos :)

      Eliminar
    2. Espero que se resolva com um sim porque tu mereces ser muito feliz. Eu continuarei por aqui a ler-te avidamente.

      Beijinhos.

      Eliminar
  11. Força e não desanimes!
    A refeição está mesmo apetitosa e deliciosa!
    bjs

    ResponderEliminar
  12. Bom dia Joana,

    Minha querida, como sabes não nos conhecemos, mas já é habito meu vir ao teu cantinho e ler as maravilhas que escreves e fazes.
    Fiquei triste com a tua situação, não sei o que se passa mas só te posso dizer que nunca desistas, luta com todas as tuas forças, mesmo que já não tenhas muitas, não te deixes ir a baixo.

    Espero que não seja nada grave e que tudo se resolva pelo melhor.

    Ja passei por momentos assim, e acho que ainda hoje passo, mas sei que sou capaz, só preciso de ajuda!
    É difícil por dentro sabermos que precisamos de ajuda, mas por fora queria ser normal a tantas outras mulheres!

    Mas nunca desistas de tentar realizar os teus sonhos e nada é impossível neste mundo....basta acreditar.

    Se precisares um dia de desabafar...eu ainda ando por aqui.
    Bjinho

    PS: A receita esta um espanto...adoro! Bjo

    Katia
    http://entretachosebimby.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  13. Sempre ouvi a minha mãe dizer que o "Não" está sempre garantido, por isso é correr atrás!
    A tua laffa parece deliciosa

    ResponderEliminar
  14. Olá Joana. Fiquei triste e preocupada ao ler o que escreveste. O que quer que seja espero que se resolva e depressa, e que tenhas o teu "sim". Força! E não desistas!
    Um beijinho*

    ResponderEliminar
  15. O que não nos mata faz nos fortes....Pensamento positivo e depois logo se vê!!!
    Umas comidinhas boas e um colinho ajudam....
    Bjokas
    Rita

    ResponderEliminar
  16. Joana,
    nunca desista de seus sonhos, lute sempre pois vc é uma vencedoras,
    dias melhores virão e as lágrimas só vão ser de felicidades!

    Bela refeição, adorei!

    Beijos ♥

    ResponderEliminar
  17. Querida Joana,
    deixaste-me apreensiva, apetecia-me dar-te um abraço e dizer-te que tudo se resolverá e vai ficar bem. Lutas pelos teus sonhos mesmo quando parecerem dificeis de alcançar, assim saberás que deste tudo... o resto logo se verá!
    Adorei esta tua receita.
    Podes dar um salto ao meu blogue e ver se aquela situação se alterou?
    Bjs

    ResponderEliminar
  18. Uma sugestão que me deixou com água na boca,que delicia.
    A esperança é a ultima a morrer, não desistas...
    bjs

    ResponderEliminar
  19. Olá Joana,

    Adorei a tua laffa, tem um aspecto muito apetitoso e com inspiração no cantinho da Maria João não iria falhar ! :)

    Estive a ler-te e de facto triste que as expectativas que tinhas acerca do assunto que questão estejam a sair goradas, ou pelo menos assim tu pensarias porque afinal ainda consegues vislumbrar uma réstia de esperança e isso é algo pelo que vale a pena lutares sim.
    Não desistas de correr atrás dos teus sonhos. :)

    Um beijinho com carinho para ti e força ! :)

    Isabel

    ResponderEliminar
  20. Querida, acho que sei isso tudo!
    Mas por muito pequena que seja a esperança há que agarrar a ela e lutar até ao fim! pode ser que no final o não passe para um sim!
    Um grande beijinho
    PS: ficou com óptimo aspecto esta laffa :D

    ResponderEliminar
  21. Joaninha muita força e energia positiva!!

    Beijinhos**

    ResponderEliminar
  22. Por mais pequena que seja a esperança há que agarrá-la Joana!
    Mas percebo-te. Pode ser que o fim não seja um não, e seja antes um sim! Logo se vê :)
    Adorei o aspecto desta comidinha, adoro comer assim, em wraps!
    Um beijinho. E ânimo!

    ResponderEliminar
  23. Não se pode mesmo desistir, Joana! Força até ao fim, mesmo que a esperança seja pouca!
    Gostei muito desta receita! É tão simples, tão leve!

    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  24. De facto não vale desistir enquanto houver algo que se possa fazer para sermos bem sucedidos... é continuar a lutar!
    Esta laffa ficou deliciosa, mesmo a meu gosto!
    Bjs

    ResponderEliminar
  25. Joana, fico a torcer para que esse não se transorme num grande sim e que concretizes todos os teus sonhos! Adorei as tuas palavras de lutadora: são inspiradoras!
    Um grande beijinho.

    ResponderEliminar
  26. Força Joana, fico a torcer para que tudo corra bem!
    ***

    ResponderEliminar
  27. conheço bem essa sensação... mas nem que seja pela réstia de esperança vale a pena lutar!

    já viste o passatempo no meu blogue? http://limited-edition-since2012.blogspot.pt/2013/04/passatempo-santa-gula-e-limited-edition.html

    ResponderEliminar
  28. Espero que acabe tudo por correr bem. Tu mereces tudo de bom Joana! Beijo

    ResponderEliminar
  29. Tens tanto jeito para as palavras como pareces ter para a confecção de alimentos! E este prato lembrou-me do meu, de ontem, tão semelhante! Só com a diferença que usei soja (e tu não a podes ingerir) e mudei os temperos. Ah e não conseguia fechar o wrap, com tanto que o enchi :D

    Beijinho Joana*

    ResponderEliminar
  30. Espero que de facto esse Não venha a ser um SIM. Mas seja qual for o resultado, não gosto de te "ler" assim. Tu és forte e vais agarrar com unhas e dentes tudo o que se te apareça pela frente, com o melhor profissionalismo do mundo. Acredito em ti :-) Beijinho

    ResponderEliminar
  31. Deve ser uma sensação tão horrível :-( mas eu acredito em ti, no teu positivismo e na tua força e vais ver que o sim ainda vai surgir, força e acredita :-)

    Essa receita é coisa para eu experimentar :-)

    ResponderEliminar
  32. Tudo se há-de encaminhar para o desfecho que mereces, mantém a esperança!
    Cá fico à espera de saber a história do sim... :)

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  33. Olá Joana, o que mais poderei eu dizer-te que aqui ainda não tivesse sido dito???
    Força miuda que tudo se vai resolver, e como tu muito bem sabes só não á solução para a morte, por isso enquanto é vida á esperança, não desistas :-) mais cedo ou mais tarde vais ter o que queres

    O teu laffa parece super delicioso

    Bjkas

    ResponderEliminar
  34. Joaninha, então, que se passa ?!
    Em frente é o caminho, cabeça erguida, olhar em frente e toca a andar. Pensamentos maus atraem coisas más por isso pensa em coisas boas e luta pelos teus sonhos, se hoje está mal, amanhã é outro dia e tudo será diferente, acredita, eu sei do que falo, a vida não é facil, mas desistir é morrer ...
    Um abraçinho bem apertadinho e já sabes toca a levantar e seguir em frente !
    Beijinho da amiga Anabela

    ResponderEliminar
  35. Adoro este tipo de comidas, esta laffa de frango ficou um apetite, adorei!

    Beijinhos,
    Joana

    ResponderEliminar
  36. É mesmo isso Joana! A esperança é a ultima a morrer e nada de sofrer por ántecipacao! Adorei a receita! Tem uma cor deliciosa!

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />