19 de maio de 2014

Muffins de queijo e fiambre para as decisões difíceis! :)

When you try your best, but you don't succeed.
When you get what you want, but not what you need.
When you feel so tired, but you can't sleep,
Stuck in reverse.

Lights will guide you home,
And ignite your bones,
And I will try to fix you.

Coldplay


Tinha iniciado o meu internato geral há duas semanas quando entrou no serviço um doente com uma determinada patologia, que esteve internado durante aproximadamente uma semana.

Quando chegou a altura de ter alta o doente não estava nada convencido: embora os exames estivessem óptimos e as análises imensamente melhoradas, o senhor simplesmente não queria ir embora dali.

A equipa discutiu o caso e decidiu dar-lhe alta. Eu fiz a nota de alta e comuniquei ao senhor que ia para casa. E foi assim que, apenas duas semanas após ter começado a trabalhar, eu encontrei o primeiro doente que me odiou.


Três dias depois o doente veio à urgência com a única queixa que não é possível comprovar medicamente: a dor. Os exames estavam bons e as análises estavam perfeitas, mas o senhor estava tão queixoso que ficou internado. Como não havia vagas no internamento, ficou no SO.


Para quem não está familiarizado com este conceito, aqui vai: o SO é uma sala da urgência (ou várias) onde os doentes ficam quando é necessário observá-los durante algumas horas, mas não durante tempo suficiente que justifique um internamento no serviço respectivo. No SO não há camas, mas sim macas. No SO não há quartos e as macas dispõem-se em duas filas, podendo haver até vinte pessoas por sala. No SO as luzes nunca se apagam completamente (inclusivamente de noite), e a todos os minutos há luzes a piscar, máquinas a apitar e vários queixumes no ar. 

O senhor ficou no SO três dias por falta de vagas. Três dias. E quando subiu finalmente para o serviço e me pôs os olhos em cima eu juro-vos: se o olhar matasse, eu tinha caído redonda ali mesmo.


Acho que é bastante óbvio que nada disto foi culpa minha. Eu não tomei a decisão de dar alta ao senhor (embora tenha concordado plenamente com ela!), eu não tomei a decisão de o voltar a internar (coisa que acho que foi manifestamente totó) e certamente não sou a culpada da falta de vagas e da necessidade de internamento no SO. No entanto, fui a pessoa que deu a cara naquela situação, e por isso o doente nunca mais falou comigo sem um tom de desprezo e um olhar de desaprovação.


No fim o doente teve o que queria: esteve internado mais uns dias, ficou exactamente na mesma e lá foi à vida dele, certamente a rogar-me pragas por lhe ter dado alta da primeira vez. E para trás fiquei eu, a questionar-me o que irei fazer quando todas estas decisões forem efectivamente minhas para tomar. 

Eu não sou daquelas médicas que acha que ser médico é o trabalho mais difícil do mundo. Sei que há vidas piores, trabalhos mais duros e exigências bem maiores do que aquelas a que estamos sujeitos. Mas bolas, há dias em que decidir coisas relacionadas com a vida dos outros é mesmo uma porcaria. 

Resta-nos sossegar a consciência pensando que tomámos as decisões certas. Não é sempre assim, com tudo na vida? :)


Muffins de queijo e fiambre

Ingredientes (para quatro muffins grandes):

* 175g de farinha de trigo;
* Uma colher de chá de fermento;
* Meia colher de chá de bicarbonato de sódio;
* Uma pitada de sal;
* Uma pitada de orégãos;
* Uma colher de chá de mistura de especiarias italianas;
* 60g de queijo mozzarella ralado;
* 60g de fiambre cortado em cubinhos;
* Um ovo;
* Uma colher de sopa de açúcar;
* 170ml de leite;
* Três colheres de sopa de óleo;
* Queio ralado para polvilhar.

Confecção:

 * Juntar a farinha, o fermento, o bicarbonato de sódio, o sal, os orégaos, as especiarias italianas, o queijo ralado e o fiambre;

* Noutra tigela bater o ovo com um garfo e juntar o açúcar, o leite e o óleo, batendo bem entre cada ingrediente;

* Juntar a mistura líquida aos ingredientes secos e misturar com uma colher de sopa apenas até os ingredientes ficarem ligados;

* Colocar em forminhas para muffins e polvilhar com o queijo ralado;

* Levar ao forno pré-aquecido a 220º durante 7 minutos;

* Sem retirar os muffins do forno, baixar a temperatura para os 190º e deixar cozinhar durante mais quinze minutos.


Tenham uma óptima Muffin Monday :D 

7 comentários:

  1. Realmente é complicado... situações desagradáveis.
    Gostei dos muffins, dão um belo snack!bjinhos

    ResponderEliminar
  2. São situações muito complicadas!
    Adorei os muffins!
    Bjs

    ResponderEliminar
  3. Parece-me que esse doente era mais para Psicologia ou Psiquiatria... (by the way, a Psicanálise tem muitas vantagens, uma delas é que não tens que tomar decisões sobre a vida dos outros! :-D )

    ResponderEliminar
  4. Excelente música^^ Esses muffins devem ser deliciosos!

    ResponderEliminar
  5. Realmente é chato :P E até dá para te sentires mal, mesmo que a culpa não seja tua.
    Se calhar não é uma história muito "estranha" para ti, mas ainda é estranha :P parece um bocado teimosia... Ao menos não estreias a estadia em "listas negras" com um caso perfeitamente banal :P
    É bastante idiota culpar "a cara". Eu até tenho pena de alguns funcionários... Acontecem imensas coisas chatas em caixas de supermercado, por exemplo. Os programas não funcionam, sei lá... E as pessoas fulminam as senhoras (sem discriminar, é que normalmente são mesmo senhoras :P) com o olhar. Nem que seja por regras, absurdas ou não, que são obrigados a cumprir. (Se calhar até a menina "má" das caixas de pipocas). A culpa tem de ser alguém para que a parte lesada se possa enfurecer, e claro que vai para quem está à frente. É muito injusto :P Mas tu sabes que fizeste tudo bem e tens a consciência tranquila... Por isso não passa de uma situação chata :)
    Essa descrição do SO... Deu-me arrepios! Que assustador :P devias escrever um livro de terror, acho que tens jeito. SO(S) até devia ficar bem para título :P
    Eu sei que já disse, mas adoro a "capa de pizza" desses muffins :D é mesmo giro fazê-los com especiarias e isso (sem ser canela e com coisas salgadas, quero eu dizer)... Parecem deliciosos! :D

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />