19 de fevereiro de 2014

No-Bake Energy Bites para as pausas rápidas :)

You are the hole in my head,
You are the space in my bed,
You are the silence in between
What I thought and what I said.
You are the nighttime fear,
You are the morning when it's clear,
When it's over, you're the start,
You're my head and you're my heart.

No light, no light,
In your bright blue eyes,
I never knew daylight could be so violent.
A revelation in the light of day,
You can't choose what stays and what fades away.
And I'd do anything to make you stay.
No light, no light,
Tell me what you want me to say.

Florence + The Machine


Nunca tive qualquer dificuldade em comer de três em três horas: tinha sempre um tempinho disponível a meio da manhã e a meio da tarde para repor as energias com um iogurte, uma peça de fruta, uma mão cheia de frutos secos ou barrinhas de cereais caseiras.

Quando referia a alguém a importância de fazer alguns lanchinhos durante o dia não percebia quem se justificava com a falta de tempo para não o fazer - afinal, pensava eu, dez minutos chegam para comer alguma coisa rápida e voltar ao trabalho.

Pois é, cuspir para o ar dá nestas coisas.


Actualmente não se trata propriamente de eu não ter tempo para comer durante o dia: simplesmente ando demasiado ocupada para o fazer. Entre observar os doentes, escrever os diários, pedir exames, mudar terapêuticas, estar na urgência a suturar feridas, passar horas no bloco operatório e ver trinta pessoas numa manhã de consultas, honestamente eu não tenho sequer tempo para sentir fome.


Mas também não sou pessoa para ficar de braços cruzados, e continuo a acreditar na importância de comer regularmente. Por isso meti mãos à obra e adaptei uma receita que me andava a piscar o olho no Pinterest: estas barrinhas de cereais em versão bolinhas.

Agora as horas continuam a passar extremamente rápido. Mas também é muito rápido comer estas bolinhas energéticas pequenas, práticas e cheias de calorias boas :D


No-Bake Energy Bites (receita adaptada do blog 'Gimme Some Oven')

Ingredientes (para seis bolinhas):

* Quatro colheres de sopa de flocos de aveia finos;
* Três colheres de sopa de coco ralado;
* Quatro colheres de sopa de manteiga de amendoim;
* Três colheres de sopa de sementes de linhaça moídas;
* Três colheres de sopa de pepitas de chocolate negro;
* Uma colher de sopa e meia de mel;
* Meia colher de chá de essência de baunilha.

Confecção:

* Misturar todos os ingredientes numa tigela;

* Cobrir e levar ao frigorífico durante aproximadamente meia hora;

* Fazer bolinhas e conservar no frigorífico.


Até amanhã! :D

14 comentários:

  1. É verdade, eu tento comer de 3 em 3 horas e acho que o corpo sente.
    Adorei estas bolinhas.
    Bjs, Susana

    ResponderEliminar
  2. Adoro esta receita! Deve dar um excelente lanche do meio da manhã!

    ResponderEliminar
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  4. Olá :)
    Hoje, por mero acaso, descobri o teu blog e já o ADORO!!!
    E notei algo "curioso": de entre as muitas receitas, algumas têm pepitas de chocolate, que por algum motivo, (provavelmente a minha distracção) eu não encontro em lado nenhum. :S

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Luana!

      As pepitas de chocolate que uso são da marca Vahiné e podem ser encontradas no supermercado, na região dos doces (onde está normalmente o chocolate de culinária, o leite condensado, etc). Nem todos os supermercados têm, mas se não encontrares podes sempre partir o chocolate com uma faca em bocados pequeninos :)

      Beijinhos e obrigada pelo teu comentário :)

      Eliminar
  5. devem ser deliciosas!
    Beijinhos,
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  6. Joana, OBRIGADA! Esta receita caiu do céu!
    A minha resolução de ano novo o ano passado foi passar a fazer um lanche a meio da manha e outro a meio da tarde. O problema é que nunca sinto fome nessas alturas, e nunca tenho tempo (não tenho intervalos e, este semestre, à terça-feira nem hora de almoço) e são tantos os meus afazeres e o stress que foi fácil deixar isso para trás. Este ano queria ver se isso mudava de vez!
    Estas bolinhas vão ser feitas ainda hoje, para amanhã levar para a faculdade.
    Beijinhos e mais uma vez obrigada pelas tuas receitas, que são sempre deliciosas e práticas.

    ResponderEliminar
  7. Que ideia fantástica, barras de cereais em bolinhas^^ E pelos ingredientes devem ser bem saborosas :)

    ResponderEliminar
  8. Olá Joana :D
    Tenho seguido todas as tuas receitinhas e, finalmente, voltei (agora sem blogs de cozinha) :)
    Beijinhos*
    http://pedronopaisdasmaravilhas.blogspot.com.es/

    ResponderEliminar
  9. Também faço umas bolinhas assim parecidas para comer nos treinos. Bem boas! :)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Ótimas para a seguir ao ginásio. Fáceis de preparar e com tudo para nutrir o organismo.
    Excelente sugestão, como sempre!
    http://aaventuraculinaria.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  11. Que engraçado, fui ver o link original e as tuas estão mil vezes mais bonitas :D muito mais claras, com a aveia mais picada e não grosseiramente enfiada e tudo. Estás a tornar-te numa profissional (não é só da câmara!) :) (acho que estas são das minhas fotos preferidas de sempre :D)
    Eu costumo comer regularmente, mas às vezes também tenho surtos de ocupação :P é chato! Pelos teus relatos já percebi que contigo não é bem assim... :( Ainda por cima depois de tanto tempo de pé! Ainda bem que arranjaste uma solução. Eu não sei se para mim resultava, eu esmago tudo com a minha garrafa de água. Acabo sempre a comer uma sandes espalmada :( (coisa que não tem nada a ver: quando era pequena o meu pai preparo um pão com fiambre e esmagou-o um bocado, sabes... para o comer sem abrir a goela toda. Eu e a minha irmã vimos isso e ficámos fascinadas, e ele disse que "era melhor assim". A partir daí começámos a esmagar o pão antes de o comer. A história acabou quando fizemos um concurso e tivemos a brilhante idea de nos alapar em cima do pão durante 5 minutos. Que nojo.)
    A fotografia em que se vê o interior é surpreendente porque pensei que fosse muito mais seco! Parece quase "fofo". A textura parece mesmo boa! :) eee tem manteiga de amendoim. :P

    ResponderEliminar
  12. Que engraçado, fui ver o link original e as tuas estão mil vezes mais bonitas :D muito mais claras, com a aveia mais picada e não grosseiramente enfiada e tudo. Estás a tornar-te numa profissional (não é só da câmara!) :) (acho que estas são das minhas fotos preferidas de sempre :D)
    Eu costumo comer regularmente, mas às vezes também tenho surtos de ocupação :P é chato! Pelos teus relatos já percebi que contigo não é bem assim... :( Ainda por cima depois de tanto tempo de pé! Ainda bem que arranjaste uma solução. Eu não sei se para mim resultava, eu esmago tudo com a minha garrafa de água. Acabo sempre a comer uma sandes espalmada :( (coisa que não tem nada a ver: quando era pequena o meu pai preparo um pão com fiambre e esmagou-o um bocado, sabes... para o comer sem abrir a goela toda. Eu e a minha irmã vimos isso e ficámos fascinadas, e ele disse que "era melhor assim". A partir daí começámos a esmagar o pão antes de o comer. A história acabou quando fizemos um concurso e tivemos a brilhante idea de nos alapar em cima do pão durante 5 minutos. Que nojo.)
    A fotografia em que se vê o interior é surpreendente porque pensei que fosse muito mais seco! Parece quase "fofo". A textura parece mesmo boa! :) eee tem manteiga de amendoim. :P

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />