14 de fevereiro de 2014

Bolinhos húmidos de limão para o dia dos namorados :)

Eu hei-de te amar por esse lado escuro,
Com lados felizes eu já não me iludo.
Se resistir à treva é um amor seguro,
À prova de bala, à prova de tudo.

Toda a alma tem uma face negra,
Nem eu nem tu fugimos à regra.
Tiremos à expressão todo o dramatismo,
Por ser para ti eu uso um eufemismo...

Chamemos-lhe apenas o lado lunar,
Mostra-me o teu lado lunar.

Rui Veloso


Passei longos minutos a olhar para um espaço vazio com um cursor a piscar. Escrevi frases que apaguei de seguida. Escrevi parágrafos que não me pareceram suficientemente bons. Esqueci o assunto durante uns dias. 

Hoje estou de volta a este assustador espaço em branco onde sei que devia fazer-te uma dedicatória à altura para este sexto dia dos namorados que passamos juntos. Mas não consigo. 


Descrever o que sinto por ti é tão difícil como tentar explicar a alguém como é ver o sol de Inverno depois de uma semana de chuva intensa, ou qual é a sensação de tomar um banho bem quentinho depois de um dia de trabalho cansativo. 

O que sinto por ti faz-me doer a barriga com vontade de te abraçar, faz-me sorrir de felicidade e faz-me tremer de expectativa.


Um dia disse-te que o que sentia por ti me assustava, e isso continua a ser verdade. Nunca antes tinha sentido esta urgência, esta vontade de ser mais, de ser melhor, de ser contigo. Quero dar-te a mão e correr o mundo inteiro dentro do lar que construímos, quero desenhar sonhos, quero realizar projectos, quero viver ao teu lado. Quero ter o nosso felizes para sempre.


E assusta-me pensar que daqui a trinta anos, três filhos e dois gatos vou olhar para trás e pensar que o que sinto agora é muito pouco comparado com o que vou sentir na altura. Porque eu não consigo conceber como é que te vou amar mais do que o que amo agora Pedro, a sério. 

O meu coração já é teu.


Eu disse que não era uma dedicatória à altura. Mas eu tentei. E vou continuar a tentar, com tudo o que tenho. E vou continuar a cozinhar para ti, porque essa é a minha forma preferida de te amar.

Vá, ocorrem-me uma ou duas ideias alternativas que também são interessantes :D


Bolinhos de limão

Ingredientes (para dois bolinhos):

* 40g de farinha;
* Meia colher de chá de fermento;
* 60g de açúcar branco;
* 40g de manteiga derretida;
* Raspa de um limão grande;
* 40ml de sumo de limão;
* Dois ovos;
* 100ml de leite.

Confecção: 

* Numa tigela grande juntar a farinha o fermento, o açúcar e a raspa de limão e misturar bem;

* Acrescentar o sumo de limão, a manteiga derretida e as duas gemas e bater bem com uma vara de arames;

* Juntar o leite;

* Incorporar na massa as duas claras batidas em castelo;

* Dividir a massa pelos ramequins untados e colocá-los num tabuleiro cheio com água fria até aproximadamente metade da altura dos ramequins;

* Levar ao forno pré-aquecido a 180º durante aproximadamente 35 minutos;

* Servir morno.





Eu sei que as imagens falam por si, mas estes são simplesmente os melhores bolinhos de limão que já comi! São intensos e húmidos, e comidos ainda quentinhos... Mmmmmmmmmmm :D

Tenham um dia muito feliz :D

13 comentários:

  1. Adorei estes bolinhos e vou guardar.
    Bjs, Susana
    http://tertuliadasusy.blogspot.pt/
    https://www.facebook.com/Tertuliadasusy

    ResponderEliminar
  2. Tão linda declaração, tão ou mais que o aspeto desses bolinhos maravilhosos!
    http://aaventuraculinaria.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Vês, acabou por ser uma declaração bonita e sincera :)

    ResponderEliminar
  4. Eu adorei a tua declaração! Cheia de sentimento. Daqui a muitos anos hás-de continuar a sentir a mesma dificuldade em descrever esse sentimento e é bom sinal... é porque é maior do que as palavras, é maior que nós próprios, é, simplesmente, maior!
    Vou levar os bolinhos, estão uma delícia!
    Beijinhos e um bom dia de S. Valentim!!

    ResponderEliminar
  5. Ai que lindo, Joana! :') até fiquei comovida. Sem dúvida uma linda dedicatória, cheia de carinho, que o Pedro deve ter adorado com todo o coração. A receita parece uma delícia e sou bem capaz de a fazer um dia destes... que o meu namorado é doente (quase ao nível de levar a internamento num manicómio :D), mas como ontem fez anos, já teve direitinho a um bolinho de limão e sementes de papoila. :)

    Beijinho, C.

    ResponderEliminar
  6. Não tenho bf, mas acabei de me apaixonar por esta receita! :p

    Kisses**

    ResponderEliminar
  7. Gostei muito da tua declaração, o Pedro deve ter ficado todo comovido... :P É muito difícil escrever sobre Amor.
    Beijinhos e bom fds!

    ResponderEliminar
  8. Acredita que se alguém me dedicasse assim um texto eu chorava :)
    O Pedro é um sortudo!

    ResponderEliminar
  9. Bela dedicatória! E belos bolos, de limão para não ser cliché! ;-)

    ResponderEliminar
  10. Adoro bolos de limão, e esta receita parece excelente. Gosto de bolos húmidos. Gostei também da tua declaração. Três filhos :) sorrio porque eu sou mãe de 3 e também já tive 2 gatas, mas que por saúde a um dos filhos tiveram que ir embora. Felicidades!

    ResponderEliminar
  11. Não te preocupes, está uma dedicatória muito bonita :) ao não conseguires dizeres o que sentes já dizes muita coisa :) Fico muito contente por gostares assim de alguém e por seres feliz :D (nota-se imenso na maneira como esceves. Mesmo muito.)
    Ohhh bolinhos de limão :( esgotei os cobaias para fazer coisas e não fiz rigorosamente nada neste fim-de-semana (em termos culinários e que seja inovador, acho que pernas de frango no forno, iogurtes e ovo cozido não contam.) Não sei porquê, acho que vou ter de fazer só para mim :D está com um aspecto tão maravilhoso e húmido, parece que tem 2 camadas! E a parte de cima também está muito gira... As fotos estão fantásticas. Demais. Fantásticas demais. Agora vou ter de fazer :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. TENS DE FAZER :D A primeira colherada que comi para a foto até me arrancou um 'OH MEU DEUS' em voz alta :D

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />