24 de outubro de 2013

Pavlova de cacau com frutos silvestres, ou a perfeição num prato.

It's a bit early in the midnight hour for me,
To go through all the things that I want to be.
I don't believe in everything I see,
You know I'm blind, so why do you disagree?

Take me away, cause I just don't want to stay,
And the lies you make me say
Are getting deeper every day.
These are crazy days but they make me shine,
Time keeps rolling by...

All around the world, you've got to spread the word.
Tell them what you heard,
We're gonna make a better day.
All around the world, you've got to spread the word.
Tell them what you heard,
You know it's gonna be OK.

Quão bons são os Oasis?


A verdadeira história desta pavlova de cacau com frutos silvestres:

Pai: O que vais fazer com os frutos vermelhos?
Joana: Vou fazer muffins.
Pai: Outra vez? Acho que estás a ficar com um problema :)
Joana: Só descobriste agora? :)
Pai: Devias fazer alguma coisa com ovos, temos tantos... Não queres fazer uma mousse de frutos vermelhos? Compras leite condensado, usas algumas claras...
Joana: Mmmm isso não é lá muito desafiante. E se fizesse uma pavlova?


Juro, imediatamente depois de ter proferido estas palavras fiquei completamente estupefacta comigo própria. Eu já tinha visto algumas receitas de pavlovas, mas nunca nunca nunca tinha sentido a mínima curiosidade de fazer nenhuma - aliás, sempre tinha achado a pavlova um doce demasiado complicado e relativamente desinteressante para o paladar.

Ok, na verdade eu achava que não ia conseguir fazer aquela coisa tão delicada.

Não sei mesmo o que me deu.


Procurei algumas receitas e fiquei logo com esta da Joana Roque debaixo de olho. A combinação do cacau com os frutos vermelhos é algo que me agrada bastante, e assim lá fui para a cozinha um bocado a medo.

Ao contrário do que eu temia correu tudo lindamente. No entanto, como queríamos comer a pavlova depois do jantar tive de a retirar do forno antes de esfriar completamente. Como ainda estava morna abateu quando coloquei a cobertura, algo que eu tinha lido que acontecia se não deixássemos a pavlova arrefecer completamente antes de a retirarmos do forno.


Fiquei um bocadinho triste, mas não me importei muito: a verdade é que mesmo assim a pavlova tinha um aspecto extraordinariamente bonito.

Fiquei muito menos triste quando a provei: que sabor maravilhoso! :D A parte exterior era crocante, e a parte interior derretia-se por completo na boca. O sabor suave do cacau misturava-se com o sabor intenso e ácido dos frutos vermelhos numa combinação absolutamente explosiva.

Confesso que fiz uma pequena dança da vitória, com direito a 'ah ahmmm, vai Joana, são os teus anos!'.


Foi sem sombra de dúvida uma das minhas sobremesas mais apreciadas cá em casa, e por isso repeti-a uma semana depois num jantar que organizei para os meus afilhados :D Mais uma vez toda a gente adorou, e acho que esta sobremesa vai ser repetida mais vezes por aqui :D


Pavlova de cacau com frutos silvestres (receita adaptada do blog 'As Minhas Receitas')

Ingredientes:

* Seis claras;
* 320g de açúcar;
* Três colheres de chá de amido de milho (farinha maizena);
* Três colheres de chá de vinagre;
* Três colheres de sopa de cacau em pó magro;

Para a cobertura:

* 200ml de natas;
* Duas colheres de sopa de açúcar;
* 200g de frutos vermelhos;

Confecção:

* Pré-aquecer o forno nos 150º;

* Bater as claras em castelo, mas sem as deixar demasiado duras;

* Acrescentar o açúcar aos poucos, continuando a bater;

* Continuar a bater até as claras ficarem completamente duras e muito brilhantes (demorei uns vinte minutos a atingir este ponto);

* Acrescentar o amido de milho, o cacau em pó e o vinagre e envolver bem com uma vara de arames;

* Forrar um tabuleiro com papel vegetal e desenhar um círculo com aproximadamente 20cm de diâmetro;

* Colocar as claras dentro do círculo e moldar com uma espátula até ficarem com a forma de um bolo;

* Levar a pavlova ao forno e reduzir a temperatura para 120º;

* Deixar cozinhar durante 1.20h, sem abrir a porta do forno;

* Desligar o forno e deixar a pavlova arrefecer completamente antes de a retirar;

* Bater as natas com o açúcar até ficarem bem firmes;

* Colocar no centro da pavlova e cobrir com os frutos vermelhos.


Até amanhã :D

23 comentários:

  1. Está com um aspecto soberbo! E se teve direito a dança de vitória não há duvidas que o sabor só podia estar óptimo! Acho que me conseguiste convencer a tentar esta delícia :)
    Beijinhos
    http://sudelicia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Bom dia Joana,
    também ando para fazer uma mas tenho receio pois já correu mal uma vez, mas olhando para a tua e lendo a descrição da mesma fiquei com vontade e tenho claras em casa.
    Deve ser mesmo deliciosa e com esses frutos todos está perfeita, gostei muito.

    Beijinhos e um bom dia

    ResponderEliminar
  3. Pois eu acho que ficou linda e perfeita e não tenho dúvidas que deliciosa :D

    ResponderEliminar
  4. A pavlova é uma sobremesa adorada cá em casa! a tua está bem apetecível.
    beijinhos :)

    ResponderEliminar
  5. Nunca fiz, mas aguçaste a minha curiosidade.
    Vou levar
    bjs

    ResponderEliminar
  6. Oh pá..eu mal vi esta fotografia no facebook fiquei logo doida! Isto deve ser DE-LI-CI-O-SO! Não percebi estes dois pontos * Forrar um tabuleiro com papel vegetal e desenhar um círculo com aproximadamente 20cm de diâmetro;

    * Colocar as claras dentro do círculo e moldar com uma espátula até ficarem com a forma de um bolo;

    :/ não tens nenhuma fotografia não?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É mesmo delicioso, a sério ;)

      Por acaso não tenho nenhuma foto, mas vou tentar explicar melhor :) Pões uma folha de papel vegetal por cima do tabuleiro do forno e depois arranjas um prato com 20cm de diâmetro (eu andei a medir os meus com uma régua e os mais apropriados foram os de sobremesa, mas os nossos pratos são grandinhos). Depois pões o prato no tabuleiro virado para baixo e riscas com um lápis a toda a volta, ficando assim com um círculo de aproximadamente 20cm desenhado. Depois vais pondo as claras dentro do círculo com uma colher de sopa. Elas ficam bastante espessas, por isso se fores colocando mais claras por cima elas ficam estáticas. Ficam mesmo com uma forma de meia esfera, digamos assim. Podes moldar com uma espátula, só para ficar mais certinho. Fica uma espécie de meia bola de queijo virada para baixo ;)

      Encontrei uma imagem na net: http://australianfood.about.com/od/bakingdesserts/ss/PavlovaSbS_6.htm. A minha ficou mais redondinha em cima, mas esta também parece boa ideia ;)

      Espero ter ajudado :) Beijinhos :)

      Eliminar
    2. Oh tão querida :) muito obrigada pela ajuda detalhada... já entendi tudinho!! Tenho que fazer essa sobremesa rapidamente!! Acho que vou ter múltiplos orgasmos quando a provar, ahahahaha!

      beijinhos *

      Eliminar
  7. Pavlova está nas minhas sobremesas preferidas há séculos, mesmo sem nunca ter provado.
    O aspecto delicado e a descrição do crocante por fora e cremoso por dentro fazem-me ir aos céus, mesmo sem nunca ter provado.
    O mesmo aconteceu agora ao ver as tuas fotos e ao ler a tua história. Definitivamente, não posso morrer sem provar!!

    **
    Aida

    ResponderEliminar
  8. Joana,
    nunca fiz pavlova, nem comi. Mas confesso que as tuas fotos dão mesmo vontade de correr para a cozinhar fazer a receita.
    Beijos

    ResponderEliminar
  9. E deu-te muito bem Joana! Já fiz uma e ADOREI. Pensei que fosse mais complicado!
    E a tua está um espanto de gira, e gulosa :-)
    Beijocas

    ResponderEliminar
  10. É tão engraçado rever-me no que dizes... também nunca fiz precisamente por achar demasiado complicado tendo em conta o sabor e consistencia que teria (nada apeltativas para mim)!
    Contudo, é uma sobremesa lindíssima e pela tua descrição de sabores... fico mesmo tentada a cometer a loucura de fazer!! :D

    ResponderEliminar
  11. Que linda pavlova!!! Ficou maravilhosa, tem um aspecto delicioso!

    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  12. "vai Joana, são os teus anos!" -> ahaha :) Em português não resulta tão bem, pois não?
    Essa pavlova... vai lá vai... (go there go... - o inverso também não resultava :P)
    Beijinhos grandes

    ResponderEliminar
  13. Olá Joana,
    Já não passava aqui há algum tempo e confesso que tinha saudades. Adorei esta pavlova e, pelos vistos não fui só eu.
    Kiss, Susana
    Nota: Ver o passatempo a decorrer no meu blog:
    http://tertuliadasusy.blogspot.pt/2013/10/dia-um-na-cozinha-e-escolha-do.html

    ResponderEliminar
  14. Fiz ontem esta receita e ficou deliciosa :) Nunca tinha feito pavlova, pensei que fosse mais complexo mas afinal é super fácil, só custa esperar que arrefeça. ;)

    ResponderEliminar
  15. MELHOR. COISA. DE SEMPRE.


    (ex aqueo com baklava, snickers, lemon bars e mais uma ou duas coisas de que não me estou a lembrar de momento.)

    ResponderEliminar
  16. Olá :)
    Acabei agora de por a minha pavlova no forno e confesso que estou muito satisfeita e curiosa para saber qual vai ser o resultado final! Tenho é uma pequena dúvida, quanto tempo é que demora em média a pavlova a arrefecer, e quando é que sabemos se a pavlova já arrefeceu completamente ou não?
    Obrigada :)

    ResponderEliminar
  17. Olá :)
    cabei agora de meter a minha pavlova no forno e, confesso que estou muito satisfeita e curiosa com o resultado final! Tenho é uma dúvida, quanto tempo demora em média a pavlova a arrefecer? Obrigada! :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Mariana! :)

      Olha eu costumo deixar a noite inteira e tiro no dia seguinte, já fria. Como me enviaste o comentário às 18 arriscaria a dizer que só amanhã é que podes retirá-la do forno :( Podes tirá-la umas 4-5 horas depois de a fazeres, mas como uma vez fiz isso e ela abateu (ficou maravilhosamente boa na mesma, mas feia) agora opto por deixar mesmo entre 8 a 10 horas :)

      Espero que gostes :D

      Beijinhos! :D

      Eliminar
    2. Obrigada! :) Deixei a pavlova ficar a noite toda como aconselhaste e agora vou acrescentar as natas e os frutos vermelhos. Obrigada pela maravilhosa receita Joana!! :)

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />