10 de maio de 2016

Pregnancy Diary #127

A minha vida pode ter algumas coisas menos boas, mas decididamente que uma delas não é a ausência de aventuras. Senão vejamos:

No Sábado passei grande parte do dia a devorar novamente o 19 days in Japan, um blog que me foi recomendado por uma leitora quando contei que estava a planear a viagem dos meus amigos ao Japão. Vai daí, à noite estava a morrer de vontade de comer comida japonesa. Decidimos por isso ir a pé até ao nosso restaurante japonês habitual (são uns quinze minutos).

Pelo caminho tropecei no passeio e dei o maior trambolhão da minha vida. O instinto fez-me cair de lado e aterrei em cima do ombro esquerdo (até foi uma queda cómica, analisando em retrospectiva).

http://vignette3.wikia.nocookie.net/videogames-fanon/images/2/26/Flying-Superman-Young-Justice-psd67316.png/revision/latest?cb=20140125170504
Foi mesmo assim, de braço esticado :P


Nunca tinha partido nada na vida, mas percebi logo que tinha arranjado ali uma coisa foleira. Entre as dores, os vómitos e a sensação de desmaio iminente achei imediatamente que tinha partido qualquer coisa. Catapultámo-nos para Santa Maria e pimbas: confirmou-se que parti um braço (malta médica: fracturei o troquíter). Às 40 semanas de gravidez.

Eu nem sou de dizer asneiras, mas foda-se.

Assim sendo, as rotinas cá em casa mudaram bastante. O Pedro está de baixa e tem de fazer praticamente tudo, desde cortar-me a carne a ajudar-me no banho (quem diria que um braço faz tanta falta?). E eu, que sempre fui uma pessoa incrivelmente independente, estou a ter imensas dificuldades em lidar com isto. Continuo positiva (acho que nem sei ser de outra forma), mas de vez em quando lá bate aquela pena de mim própria e entrego-me a uns minutos de choradeira.

Pelo meio desta tragédia grega o nosso bebé continua na maior. Está tudo encaminhado para o parto, mas continuamos sem novidades. Já tenho a indução do parto marcada se as coisas não se processarem entretanto, e sinceramente começo a acreditar que o miúdo sai à mamã e gosta é de estar no quentinho da caminha :)

E pronto, aqui fica a razão da ausência de notícias: escrever no portátil só com uma mão é desagradável e nos últimos dias andei demasiado ocupada a choramingar porque sou uma inútil e tal. Mas enfim, fossem todos os problemas como este. Há coisas piores. Vai tudo correr bem. A minha obstetra diz que o meu bebé tem as bochechas grandinhas, que me vou dedicar a mimar daqui a alguns dias. Está tudo bem :)

(Não vou é conseguir ser eu a tirar o miúdo durante o parto. Bem, fica para o próximo.) :)

37 comentários:

  1. Aí Joana!
    Eu pensava que o teu silêncio era por já teres tido a criança e nunca esperei isto! Vai ser um parto interessante, tendo em conta que vais estar engessada, mas nada que não se resolva. :)
    A vossa coisinha mais fofa é mas é um dorminhoco de primeira e, contra tudo e contra todos, lá se vai mantendo no quentinho e nada de querer sair. :)
    Beijinhos e as melhoras (e uma hora pequenina caso a coisa se dê entretanto). :*

    ResponderEliminar
  2. Oh Joana, caramba! Que azar! E logo nesta altura! Tens que ser muito forte e aceitar que há alturas na vida em que temos mesmo de deixar que cuidem de nós. E esperemos que o teu pequenito se decida a ficar no quentinho mais um tempo, para tu recuperares ou, pelo menos, te adaptares um bocadinho mais a essa condição.

    As melhoras e um grande beijinho!

    ResponderEliminar
  3. Ainda há pouco me lembrei de vocês. Pensei que a coisinha fofa já tivesse saído para conhecer a chuva e esta miserável temperatura.
    Entretanto espero que a Joana não se meta em mais trabalhos eh eh eh

    ResponderEliminar
  4. Sempre que no meu feed do blogger aparece uma nova publicação tua, penso "Já nasceu!", mas não... Vá, rápida recuperação, Joana! Beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Oh que chatice. Mas vai correr tudo maravilhosamente bem, mesmo só com um braço operacional.
    O teu sentido de humor é uma coisa fenomenal! Delicio-me com estes textos. Até venho aqui inspirar-me quando estou mais em baixo com alguma chatice mais pesada. :D É pá obrigada!
    E, já agora, uma hora muito pequenina. Muitas felicidades!!!! Beijinhos

    ResponderEliminar
  6. Olá Joana! Pois, já pensava que o rapaz estava cá fora mas ainda não... Estava a ler o teu texto com o maridão e ficámos os dois, literalmente, de boca aberta quando lemos que tinhas caído... e após a leitura de mais umas linhas saia da nossa boca: bolas! Ainda bem que está tudo bem com ela e o bebé. Para dizer a verdade, O meu João disse: está na hora do rapaz vir cá para fora... Hehehehe! E até comentámos: parece a Rita, que mesmo depois de 3 toques, teve que ser forçada a sair da barriga na 41 semana.
    Espero que esse braço sare bem e o mais rápido possível.
    Cá para nós que ninguém nos ouve, eu penso que o príncipe dessa barriga está à espera que a chuva e frio se vão embora ... Afinal, temos que concordar que na barriguita da mãe está bem quentinho e aconchegado:)
    Beijinho grande e nada de mais trambolhões!

    ResponderEliminar
  7. Oh meus Deus! É pecado, mas eu ri-me com esta história! Coitada de ti Joana, logo no final da gravidez?

    Olha, desejo-te um hora pequenina e que tudo corra bem nos primeiros dias com o pequenote :)

    ResponderEliminar
  8. Quando vi que tinha post, pensei que tinha sido desta que o bebé tinha nascido, mas por isto nunca esperava! Desejo-te as melhoras rápidas, e que corra tudo bem quando esse menino resolver sair.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Ola Joana, desejo uma rápida recuperação e uma hora muito pequenina, tenho a certeza que com a tua força e determinação vais ultrapassar todas as dificuldades�� e vale tanto a pena!! (sou mãe pela segunda vez há um mês ��) que corra tudo bem. Beijinhos

    ResponderEliminar
  10. Uma professora minha partiu a perna (nao sei qual a fratura, mas acho que tinha gesso desde a coxa) dias antes de parir :P diz ela que parir com a perna partida dava para escrever uma tese :P
    É muito aborrecido partir o braço quando queremos ter os dois disponíveis para pegar no nosso bebé, mas o importante é que tu e o bebé estão bem :) estes percalços acontecem e vais ficar com nega historia para contar à coisinha fofa :P
    Rapidas melhoras e tudo de bom ^^

    ResponderEliminar
  11. Oh Joana que coisa chata!!!
    Mas tens direito aos teus momentos de auto comiseração e chafurda-te lá bem agora, assim que a coisinha fofa nascer já não tens tempo para auto comiseração 😉.
    As melhoras e tudo a correr bem
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  12. bem que situação! :)
    As melhoras Joana

    ResponderEliminar
  13. bolas... eu acontar que era um post de "já tenho a minha coisinha fofa connosco" e saí um braço partido... mas pronto, mais uma historia para se rirem no futuro, juizo para poderes pegar e trocar fraldas com todos os braços :)

    ResponderEliminar
  14. Oh!!!! As rápidas melhoras e que corra tudo bem!!!

    ResponderEliminar
  15. Que raio de azar!!!
    Mas lá está, há que pensar pela positiva! O que interessa é que está tudo bem com a Joana e com o vosso bebé!
    Espero que corra tudo bem e que ultrapassem rapidamente esta fase menos boa! Beijinhos e muita força!
    Cláudia F.

    ResponderEliminar
  16. Opá :s...há sempre coisas piores, sim, mas nessa situação é perfeitamente compreensível que te sintas mais "mariquinhas". Afinal o teu bébé está quase, quase a dizer olá para o mundo :).
    Desejo-te melhoras super rápidas e, ainda que não te conheça, envio-te todo o mimo virtual possível :D!!!
    Quem te segue, onde me incluo, de certeza que está em pulguinhas para abraçar a chegada da tua coisinha mais fofa :).
    Beijinho grande e tudo de bom

    ResponderEliminar
  17. A sério??? E eu a pensar que a falta de notícias no blog seria porque o bebé já tinha nascido e estavas entretida a 'lambuzá-lo' :-) Ohhh... Gabo-te o espírito positivo, porque se fosse comigo acho que me passava... Embora não adiantasse muito, essa é que é essa! Olha Joana, desejo-te as melhoras e muita paciência para essa recuperação, vai correr tudo bem e logo logo já pegas no teu bebé ao colo e estás nova :-) Beijinhos grandes

    ResponderEliminar
  18. Olá Joana! Não costumo comentar, mas desta vez tive que o fazer. Também eu estou grávida e sei que não deve ser fácil agora na reta final acontecer isto. No entanto, acredito que tu como és uma miúda muito positiva, vais ultrapassar esta fase e mais tarde até te vais rir desta situação. Desejo-te rápidas melhoras e que o teu menino chegue cheio de saúde e perfeitinho. Beijinhos

    ResponderEliminar
  19. O que importa é que está tudo bem :) Desejo-te uma hora super pequenina. Que corra tudo maravilhosamente bem. Vai ser um bebé super feliz.

    ResponderEliminar
  20. Vai tudo correr bem!!!!!! Rápidas melhoras e aproveita para descansar máximo! Depois queremos uma foto nem que seja só do dedo mindinho da coisa mais fofa!!!

    ResponderEliminar
  21. E eu a achar que o silêncio era por o bebé já ter nascido :-(
    Vai tudo correr bem!!! Porta-te bem, nada de aventuras para a recuperação ser mais rápida e puderes aproveitar o teu bebé :-)

    ResponderEliminar
  22. Quando comecei a ler saiu-me um grande "AIXXXX". Vai correr tudo bem! As melhoras e uns 15minutos pequeninos Joana. Beijinhos

    ResponderEliminar
  23. Ai Joana! Isso é que foi arranjar aí um trinta e um! Mas vocês são despachados e de certeza absoluta que vai correr tudo bem quando o baby nascer!
    Um beijinho e tudo a correr bem, Catarina

    ResponderEliminar
  24. Que chatice! Vais ver que tudo se resolve pelo melhor ;) Acho que nisto somos um bocado parecidas: primeiro vem a auto-comiseração, depois é arregaçar as mangar e ir em frente!

    Beijinho grande e as melhoras!

    ResponderEliminar
  25. Oh Joaninha, que grande azar! De qualquer forma, aprecio o humor com que lidas (pareces lidar) com a situação.

    (Estamos aqui deste lado ansiosos para ver essas bochechas! ^^ )

    ResponderEliminar
  26. desculpa, Joana, mas a visão de ti com um braço engessado e outro com a coisinha fofa, ainda na sala de partos, dá-me vontade de riiiiir xD acho que dava uma grande capa de álbum de fotos ahahah

    perdoa lá o meu humor negro e beijinhos para os três (são virtuais, não levam bactérias ao miúdo!) :p

    ResponderEliminar
  27. Oh Joana e cá volto eu com as coincidências nas nossas gravidezes... bem faz exactamente hoje uma semana que me "esbardalhei" no chão cá em casa também... bem consigo foi bem pior sem dúvida... o meu instinto foi obviamente proteger a minha barriga então aterrei no chão de pulso,joelho e queixo...tenho o joelho e o queixo completamente negros...consegui fazer um grande golpe dentro da boca... e o pulso doi mas so esta pisado... bem mais soft que um braço partido sem dúvida... Desejo-lhe as rapidas melhoras... e que tudo lhe corra bem quando a sua coisinha fofa decidir mostrar as bochechas :D

    ResponderEliminar
  28. Oh Joana e cá volto eu com as coincidências nas nossas gravidezes... bem faz exactamente hoje uma semana que me "esbardalhei" no chão cá em casa também... bem consigo foi bem pior sem dúvida... o meu instinto foi obviamente proteger a minha barriga então aterrei no chão de pulso,joelho e queixo...tenho o joelho e o queixo completamente negros...consegui fazer um grande golpe dentro da boca... e o pulso doi mas so esta pisado... bem mais soft que um braço partido sem dúvida... Desejo-lhe as rapidas melhoras... e que tudo lhe corra bem quando a sua coisinha fofa decidir mostrar as bochechas :D

    ResponderEliminar
  29. Aí, Joana... quase me sinto culpada por lhe ter recomendado o blog do meu filho... Mas, palavra de honra que nunca pensei que ler o dito lhe desse essa vontade de comer japonês... Espero que recupere tão rápido quanto possível e que tenha , essencialmente, pensamentos positivos! Ajuda a relativizar o que lhe aconteceu. E que o bebé venha depressa para a alegrar! Desejo, de todo o coração, que melhore rapidamente! Um beijinho. (E, se eu pudesse ter adivinhado, nunca lhe teria falado no blogue...)

    ResponderEliminar
  30. Aí, Joana... quase me sinto culpada por lhe ter recomendado o blog do meu filho... Mas, palavra de honra que nunca pensei que ler o dito lhe desse essa vontade de comer japonês... Espero que recupere tão rápido quanto possível e que tenha , essencialmente, pensamentos positivos! Ajuda a relativizar o que lhe aconteceu. E que o bebé venha depressa para a alegrar! Desejo, de todo o coração, que melhore rapidamente! Um beijinho. (E, se eu pudesse ter adivinhado, nunca lhe teria falado no blogue...)

    ResponderEliminar
  31. Ora bolas... Quando fizemos o 19 Days in Japan esperávamos ouvir muitas aventuras, mas partir um braço não deveria fazer parte desse leque.

    Mas já que escrever é complicado neste momento, fica aqui uma sugestão de leitura na mesma onda que o 19 Days: http://mutelife.com/tag/16-days-in-japan/ (diário da nossa segunda viagem ao Japão).

    As melhoras e tudo de bom com o parto!

    ResponderEliminar
  32. E eu já tinha comentado com o meu marido "olha a Joana, aquela do blog, que é médica e está grávida, já não escreve há alguns dias, se calhar o bebé já nasceu" ;) anyway, parece que está quase por isso desejo-te que tudo corra pelo melhor, que seja uma hora pequenina mas imensa no teu coração. E que mantenhas sempre esse positivismo, essa capacidade de lidar com os problemas de forma positiva e "despreocupada" :) beijinhos

    ResponderEliminar
  33. oh linda :/ espero que melhores e que esteja tudo bem com o bebé*~~

    Hoje é o dia de quem está onde tantas vezes não está mais ninguém! Hoje é o nosso dia: Feliz Dia Internacional dos Enfermeiros

    ResponderEliminar
  34. É daquelas coisas que nunca tem uma boa altura para acontecer, mas agora é realmente chato. Rápidas melhoras e que te consigas abstrair do gesso quando chegar a coisinha fofa. Uma hora pequenina de dores e grande de felicidade! :)

    ResponderEliminar
  35. Ola Linda:)
    Tudo Bem?
    Adoro o Post:)
    Muito Obrigada
    Bom fim de semana
    Bjs Open Kloset
    Novo Post:
    http://openklosetfashion.blogspot.pt/2016/05/real-abadia-congress-spa-hotel.html
    Instagram:@openklosetfashion

    ResponderEliminar
  36. Que situação chata. Verás que logo logo poderás começar a mobilizar o braço... O tempo passará rápido. Espero que tenhas uma recuperação sem problemas e rápida! Um beijinho*

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...r: 0" />